Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

ABC toma decisão inédita e abdica das provas europeias

Logótipo de O Jogo O Jogo 16/06/2017 Alcides Freire

Despesas da Champions rondaram os 150 mil euros e levaram bracarenses a abdicar

. © JOSÉ COELHO .

O ABC foi obrigado a uma decisão inédita na sua história, ao abdicar da participação na próxima edição da Taça Challenge, para a qual se havia apurado ao vencer a Taça de Portugal e ser quinto no campeonato. Segundo Guilherme Freitas, vice-presidente dos bracarenses, foi uma opção "difícil de tomar, mas consciente", pois a participação na Liga dos Campeões abalou de forma muito séria as finanças do clube, obrigado a despesas que não tinha previsto - no total, a experiência na fase de grupos terá custado 150 mil euros, entre viagens, custos na organização de jogos e televisão.

Sendo o mais bem-sucedido clube português a nível internacional - foi finalista da Champions e três vezes da Challenge, que ganhou na época passada -, o ABC sabe que a Europa, no andebol, só representa despesas, pelo que os seus administradores consideraram que o "mais correto é cumprir com todos os fornecedores". "Achamos por bem arrumar a casa financeiramente e só depois voltar às competições europeias", acrescentou Guilherme Freitas.

citacaoO mais bem-sucedido clube português nas provas internacionais optou por "cumprir com os fornecedores" e não irá à Challenge Cup, que tinha ganho no ano passado

O ABC encerra hoje oficialmente a época despedindo-se do treinador Carlos Resende e dos jogadores Pedro Seabra, Pedro Spínola, Ricardo Pesqueira Pesqueira e José Costa.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon