Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Aboubakar sob fogo cerrado nos Camarões

Logótipo de O Jogo O Jogo 24/06/2017 Hugo Monteiro

Avançado portista na mira da Imprensa dos Camarões pelos falhanços no empate com a Austrália.

O empate com a Austrália (1-1) deixou os Camarões com a calculadora na mão para se qualificarem e um dos responsáveis para isso ter acontecido foi Aboubakar. Contratualmente vinculado ao FC Porto, o avançado, que alinhou cedido ao Besiktas, desperdiçou três boas ocasiões para os leões indomáveis desfazerem a igualdade e a Imprensa local não perdoou esse desacerto. Aliás, recordou-se até que nos últimos dois jogos em que alinhou ficou em branco e os Camarões não ganharam: 0-2 com o Chile; 1-1 com os australianos.

© Carl Recine/Reuters

Um problema que os média consideram grave, tendo em conta que, nas partidas anteriores em que alinhou, Aboubakar foi decisivo: fixou o 1-0 contra Marrocos na fase de qualificação para a CAN"2017; deu o 1-0 no particular com a Tunísia e antes disso foi o autor do golo que ditou a conquista da CAN"2017 (2-1 ao Egito).

O próprio selecionador assumiu a sua frustração com o rendimento de Aboubakar. "É a vida de um avançado. Às vezes marca golos de olhos fechados, outras desperdiça oportunidades que não pode falhar. Teve três boas chances e não marcou. Foi uma pena", declarou Hugo Broos, que agora tenta recuperar animicamente o avançado para o jogo decisivo com a Alemanha.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon