Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Academia recebe número recorde de candidatos a Óscar de melhor filme estrangeiro

Logótipo de O Jogo O Jogo 06/10/2017 Administrator

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos anunciou ter recebido candidaturas de 92 países ao Óscar de melhor filme estrangeiro, um número recorde.

Em comunicado, a academia, que anuncia as nomeações à 90.ª edição dos Óscares no dia 23 de janeiro do próximo ano, revelou que, entre os candidatos, estão seis estreantes: Moçambique, Haiti, Honduras, Laos, Senegal e Síria.

Em setembro, a Academia Portuguesa de Cinema revelou que o filme "São Jorge", de Marco Martins, seria o candidato de Portugal a uma nomeação para o Óscar de melhor filme estrangeiro.

Entre os candidatos está ainda "Zama", coprodução portuguesa da argentina Lucrecia Martel, que conta com o português Rui Poças enquanto diretor de fotografia.

O Brasil apresenta como candidato "Bingo: O Rei das Manhãs", de Daniel Rezende, enquanto Moçambique concorre com o "Comboio de sal e açúcar", do realizador Licínio Azevedo.

Nos candidatos de destaque para a publicação especializada Variety estão obras como "First They Killed My Father", de Angelina Jolie, pelo Camboja, "Happy End", de Michael Haneke, pela Áustria, "120 Battements Par Minute", de Robin Campillo, pela França, e "Foxtrot", do israelita Samuel Maoz.

Entre os candidatos encontra-se ainda o vencedor da Palma de Ouro deste ano, "O Quadrado" (com estreia em Portugal marcada para 23 de novembro), do sueco Ruben Östlund, que, em 2015, divulgou um curto vídeo com a sua reação ao facto de "Força Maior", que também dirigiu, ter ficado de fora dos nomeados desse ano.

Os Óscares de 2018 serão entregues no dia 04 de março, em Hollywood, nos Estados Unidos.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon