Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Agassi sobre Federer: "Pode jogar mais quatro ou cinco anos"

Logótipo de O Jogo O Jogo 11/04/2017 O Jogo

Ex-tenista retirou-se aos 36 anos, idade que está prestes a fazer o suíço. No entanto, para Agassi, a carreira do antigo colega continua

2017 tem sido um grande ano para Roger Federer, que, com 35 anos, conquistou o Open da Austrália, o Masters de Indian Wells e o Masters de Miami, deixando Andre Agassi rendido. Para o ex-tenista, o suíço ainda tem muito para dar.

© EPA/ALEX CRUZ

"Retirei-me com 36, mas se soubesse o que sei hoje ainda me tinha retirado mais cedo. Cada tenista tem uma carreira diferente e cada um tem as suas razões para se retirar. No meu caso, o corpo disse-me que já bastava. Além disso, nunca tive o jogo que o Roger tem. Parece-me que ele pode continuar por mais quatro ou cinco anos", disse em declarações à "Marca".

Quanto a novas referências, Agassi recusou comparações entre si e o polémico australiano Nick Kyrgios. "Ele já reconheceu que não gosta de ténis, dou-lhe crédito por se conhecer melhor do que eu me conhecia na altura. Eu gostava de ter percebido mais cedo. Tem talento para ganhar, mas precisa de ser consistente. Quando há esta montanha russa de emoções, é difícil ganhar por muito tempo", considerou.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon