Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Allegri avisa: "No futebol tudo pode acontecer"

Logótipo de O Jogo O Jogo 08/05/2017 Hugo Monteiro

© Alessandro Di Marco/EPA

Treinador da Juventus, Massimiliano Allegri, encara a segunda mão das meias-finais da Liga dos Campeões de futebol, com o Mónaco, "como se fosse só um jogo".

O treinador da Juventus, Massimiliano Allegri, encara a segunda mão das meias-finais da Liga dos Campeões de futebol, com o Mónaco, "como se fosse só um jogo", apesar da vantagem de 2-0 na primeira mão.

O técnico italiano, de 49 anos, garantiu que o resultado dá à Juve "uma pequena vantagem", mas que a equipa tem de jogar "como se a eliminatória fosse só este jogo", referindo-se à segunda mão, marcada para terça-feira (19:45).

Os campeões italianos, que estão a um passo de garantir o sexto título da Serie A consecutivo, procuram o terceiro cetro europeu, depois de 1985 e 1996, e estão "muito motivados", até porque o Mónaco, de Leonardo Jardim, "não tem nada a perder e vai jogar de forma mais aberta". "No futebol, tudo pode acontecer", atirou o treinador, em conferência de imprensa.

Na primeira mão, um bis de Higuaín deu a vitória à 'velha senhora' em casa dos monegascos, treinados por Leonardo Jardim e com Bernardo Silva e João Moutinho no plantel.

O defesa central Giorgio Chiellini, um dos capitães de equipa, destacou os "90 minutos cheios de armadilhas" em que o plantel se deve concentrar, sendo que é ainda "prematuro falar de Cardiff", onde será disputada a final.

"As melhores equipas pensam num jogo de cada vez. O nosso foco neste momento está no Mónaco. Se conseguirmos gerir bem o jogo e produzir uma exibição digna da final, aí pensaremos nela", acrescentou.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon