Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Amnistia Internacional portuguesa defende frente à AR libertação de ativista turco

Logótipo de O Jogo O Jogo 05/07/2017 Administrator

A secção portuguesa da Aministia Internacional fez hoje uma ação de sensibilização junto à Assembleia da República, algemando simbolicamente a atual e os antigos presidentes em protesto contra a detenção do ativista turco Taner Kiliç.

"Viemos sensibilizar os deputados e o Governo para tomarem uma posição sobre esta purga, esta perseguição de defensores dos direitos humanos, de advogados, de jornalista, que decorre na Turquia, e que inclui a detenção do presidente da secção da Turquia, Taner Kiliç", disse à Lusa a presidente da AI em Portugal, Susana Gaspar.

"Há uma grande expectativa de que as reuniões que mantivemos com os deputados deem bom resultado e sexta-feira possamos ter uma posição do Parlamento sobre este tema", adiantou a responsável, criticando a detenção há um ano do líder da AI na Turquia.

"Queremos mostrar a nossa solidariedade para com o presidente da secção da Turquia da AI, sensibiliza-nos ainda mais porque é um dos nossos, poderia ser comigo se tivesse nascido na Turquia", disse.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon