Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

As prioridades do Sporting no último dia do mercado de transferências

Logótipo de O Jogo O Jogo 30/08/2017 Hugo Monteiro

Schelotto e Bryan Ruiz são dois casos para resolver até quinta-feira à noite.

Bryan Ruiz © Fornecido por O jogo Bryan Ruiz

O problema dos excedentários está a ganhar maior proporção junto da administração da Sporting, SAD. Os responsáveis pela gestão do futebol leonino têm agora uma janela de 48 horas para resolver o futuro dos elementos excluídos dos planos de Jorge Jesus e há casos que podem ter mesmo de implicar cedências acentuadas dos leões, que agora podem perder uma significativa margem negocial. Até ver, os maiores reflexos disso mesmo prendem-se com Bryan Ruiz e Schelotto.

O internacional pela Costa Rica, que foi peça preponderante nas duas últimas temporadas, apresenta-se como um caso sério de recuo por parte dos lisboetas. Numa fase inicial, Bruno de Carvalho e respetiva equipa tinham uma expectativa de encaixe de quatro a cinco milhões de euros. Agora, O JOGO sabe que há abertura para negociar o avançado por cerca de milhão e meio. As próximas horas prometem ser decisivas por um jogador claramente com mercado, mas que já declinou mudar-se para o futebol árabe e teve no radar um possível regresso à Liga belga.

citacaoCom Heldon e Slavchev resolvidos, Douglas, Schelotto e Bryan Ruiz são as principais fontes de preocupação da SAD do Sporting

No caso de Schelotto, o lateral-direito que a equipa técnica descartou teve o Alavés no horizonte, mas o negócio não avançou por recusa do próprio jogador, que já teve também a possibilidade de seguir para Itália (Sampdória) durante o defeso. Agora, o mercado inglês surge como possível no horizonte do jogador ítalo-argentino.

Contudo, há ainda que encontrar solução para o caso de Douglas. O central foi desejado durante muito tempo por Jorge Jesus, mas o seu ingresso em Alvalade no verão passado revelou-se um fracasso, sendo que as perspetivas passam por encontrar um destino no exterior ou mesmo internamente para o brasileiro naturalizado holandês

Heldon e Slavchev, por outro lado, ficaram resolvidos esta quarta-feira. O avançado cabo-verdiano seguirá para o Vitória de Guimarães, enquanto o internacional búlgaro regressa à Polónia, para envergar as cores do Lechia Gdansk, que já defendeu em 2016/17.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon