Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Autárquicas: Bloco de Esquerda candidata independente em Montemor-o-Velho

Logótipo de O Jogo O Jogo 07/09/2017 Administrator

O Bloco de Esquerda (BE) candidata à autarquia de Montemor-o-Velho, distrito de Coimbra, o independente Artur Silva, um advogado de 55 anos residente naquela vila do Baixo Mondego que admitiu à Lusa não possuir experiência autárquica.

Artur Silva explica que o candidato "natural" do BE seria Carlos Mendes, que morreu vítima de doença prolongada, tendo a estrutura local bloquista proposto o seu nome como cabeça de lista à autarquia: "Hesitei bastante, mas, no fim, concordei", revela.

O candidato assume que o BE, em Montemor-o-Velho, é "uma estrutura pequena, quase inexistente", que apresenta candidatos à Câmara Municipal, Assembleia Municipal e à União de Freguesias de Montemor-o-Velho e Gatões.

"Somos meia dúzia de pessoas a tentar fazer o melhor possível, fazemos política por ação, não por omissão", assinala.

Em 2013, nas últimas eleições autárquicas, o BE alcançou 278 votos, (2%), um valor similar ao registado quatro anos antes, quando o partido concorreu à autarquia pela primeira vez.

A candidatura bloquista defende que o município deve ter uma "criteriosa e cuidadosa" gestão dos recursos, "colocando a pessoa humana em primeiro lugar".

"Uma Câmara tem de funcionar com grande eficácia ao serviço dos seus cidadãos e encontrar uma resposta às suas exigências", defende Artur Silva.

A área do ambiente é "um dos pilares centrais" da candidatura do BE em Montemor-o-Velho, que pretende ver o município atuar na preservação ambiental empenhado em causas como a poluição dos rios, evitando-a "dentro das suas competências".

O candidato, que integra o clube de xadrez local, defende que a modalidade "ajuda a disciplinar a forma de pensar" e pode servir não só a um decisor político como a um leque mais alargado de cidadãos, a começar pelos mais novos.

"Devia ser uma disciplina opcional, se não na escola primária, nos níveis de escolaridade seguintes, a partir do 5.º ano", argumenta Artur Silva.

Além de Artur Silva, candidatam-se à da Câmara de Montemor-o-Velho, o atual presidente, Emílio Torrão (PS) e o antigo presidente (2001-2013) Luís Leal (PSD/CDS-PP).

A CDU recandidata o atual vereador Jorge Camarneiro e Armando Maia concorre em representação da lista que reúne o Movimento Independente de Cidadania 'Por Amor a Esta Terra' e o PDR (Partido Democrático Republicano).

Nas anteriores eleições autárquicas, em 2013, o PS conquistou o município com 40,45% dos votos, contra 35,95% do PSD e 11,08% da CDU.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon