Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Autárquicas: Candidata do PS em Évora confiante na reconquista da câmara

Logótipo de O Jogo O Jogo 28/09/2017 Administrator

A candidata do PS à Câmara de Évora, Elsa Teigão, manifestou-se hoje confiante na vitória, nas autárquicas de domingo, alegando que a sua candidatura está "a crescer" e que a da CDU "tem estado em queda acentuada".

"O PS e a candidatura 'Por Évora, Todos' tem estado a crescer na expetativa das pessoas", enquanto a CDU, atual maioria na câmara e "principal adversário" dos socialistas, "tem estado em queda acentuada", afirmou Elsa Teigão.

A cabeça de lista do PS falava à agência Lusa durante uma ação de campanha eleitoral na zona da Senhora da Saúde, que integra a União de Freguesias do Bacelo e Senhora da Saúde.

Segundo Elsa Teigão, do contacto que tem mantido com as pessoas nas ruas, o que nota é "uma forte crítica à gestão comunista" do município e "uma boa receção ao projeto e à proposta do PS".

Quase na reta final da campanha, a candidata disse confiar que os eleitores "darão a vitória" ao PS, nas eleições de domingo, para a reconquista da câmara, perdida há quatro anos, e apelou ao voto: "Interessa que as pessoas votem".

"Se querem uma mudança, se discordam do que tem acontecido nestes últimos quatro anos, se querem de facto que Évora evolua e que tenha futuro, têm que votar, votar no PS, porque temos um projeto e uma equipa muito determinada e competente e estamos com muita vontade de agarrar Évora e levá-la connosco para o futuro", frisou.

Acompanhada por elementos da candidatura, que ofereceram sacos, porta-chaves e canetas aos habitantes que encontraram nas ruas, a cabeça de lista repetiu este apelo ao voto junto de todas as pessoas que cumprimentou.

Em declarações à Lusa, a candidata aproveitou também para defender a construção do novo Hospital Central de Évora, lembrando que o primeiro-ministro, António Costa, "reafirmou, uma vez mais, que irá ser construído".

"É uma obra emblemática e necessária em termos de qualidade de vida para as pessoas, porque, neste momento, o hospital já não dá resposta em algumas áreas, principalmente de especialidade", salientou.

A colaboração "muito estruturada" e "estratégica" com a Universidade de Évora, caso o PS vença a câmara, foi outra das promessas feitas por Elsa Teigão: "É uma entidade decisiva no concelho".

Nas autárquicas de domingo, concorrem à Câmara de Évora, além de Elsa Teigão (PS), o atual presidente do município, Carlos Pinto de Sá (CDU), António Costa da Silva (PSD), Maria Helena Figueiredo (BE), Pedro D'Orey Manoel (CDS-PP/MPT/PPM) e André Sapage (PAN).

No atual mandato, o executivo municipal é composto por quatro eleitos da CDU, dois do PS e um da coligação PSD/CDS-PP.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon