Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Autárquicas: Candidato da CDU quer tornar mobilidade mais eficiente em Matosinhos

Logótipo de O Jogo O Jogo 12/09/2017 Administrator

O candidato da CDU à Câmara Municipal de Matosinhos, José Pedro Rodrigues, apontou hoje como prioridades melhorar o serviço de transportes públicos, organizar melhor o território e tornar a mobilidade mais eficiente e sustentável.

Numa ação de pré-campanha, que implicou contactos com trabalhadores, o comunista defendeu como prioridade a integração no Andante de toda a rede de transportes públicos no concelho e o alargamento da rede, prioritariamente, a Angeiras de Cima, Lugar de Gonçalves e polos de emprego na envolvente à Via Norte, servindo trabalhadores de várias unidades empresariais.

Contudo, José Pedro Rodrigues, atual vereador dos Transportes e da Mobilidade, lembrou que durante o mandato a rede Andante cresceu em Matosinhos cerca de 180%, correspondendo a mais de 1.600 quilómetros por dia de operação de transportes públicos.

"Este alargamento do Andante significou, sobretudo, uma poupança mensal de muitos euros para as famílias de Lavra, além da devolução, ao fim de 20 anos, do transporte público para as populações de Gatões, Leonardo Coimbra e Fonte dos Alhos, em Custoias e São Mamede Infesta", assinalou.

No contexto deste alargamento, acrescentou, a freguesia de Santa Cruz do Bispo passou a ter transporte público para o Hospital de Pedro Hispano e Perafita passou a ter ligação ao metro no aeroporto.

Quanto ao concurso de transportes públicos, José Pedro Rodrigues defendeu que devem ser observadas regras que respondam aos principais problemas do atual serviço, nomeadamente meios humanos e materiais que assegurem o alargamento e cumprimento de horários, que metade da frota passe a ser de veículos elétricos ou híbridos e que os trabalhadores da atual concessionária, caso seja outra a vencer o concurso, possam ser prioritariamente integrados no novo operador.

O candidato da CDU destacou também a importância da construção de dois interfaces de transporte público, com estacionamento e equipamentos de apoio, na Fonte do Cuco e no norte do concelho.

Para resolver as necessidades de estacionamento de longa duração, o candidato propõe, além do alargamento do Parque 25 de Abril, a construção de um parque de estacionamento de grandes dimensões, gratuito, no cruzamento entre a Avenida Afonso Henriques e a Sousa Aroso.

Além disso, José Pedro Rodrigues salientou a necessidade de implementar um veículo gratuito que faça a ligação entre o parque de estacionamento de Sendim/Manhufe até ao centro de Matosinhos.

José Pedro Rodrigues considerou ainda "urgente" a construção da linha de metro entre o Hospital de São João, no Porto, e a Senhora da Hora, em Matosinhos.

A conclusão do Plano de Mobilidade de Transportes, iniciado neste mandato, é outras das necessidades apontadas pelo candidato da CDU, tal como o fim dos 18% de vias de comunicação em falta no âmbito do Plano Diretor Municipal (PDM).

Além de José Pedro Rodrigues, concorrem à Câmara Municipal de Matosinhos, no distrito do Porto, Luísa Salgueiro (PS), Jorge Magalhães (PSD), Ferreira dos Santos (BE), Filipe Cayolla (PAN), Narciso Miranda (independente) e António Parada (independente com o apoio do CDS-PP).

Atualmente, o executivo é composto por seis elementos do Grupo de Cidadãos Eleitores Guilherme Pinto por Matosinhos, dois do PS, um do PSD, um da CDU (com pelouro atribuído por Guilherme Pinto) e um independente.

As eleições autárquicas realizam-se a 01 de outubro.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon