Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Autárquicas: CDU quer "concretizar a verdadeira mudança de políticas" em Braga

Logótipo de O Jogo O Jogo 25/09/2017 Administrator

A CDU quer "concretizar a verdadeira mudança de políticas" na Câmara de Braga, salientando a necessidade de "inverter as prioridades" no concelho, e apontou a Educação e a Cultura como os eixos em que é necessário "mais investimento".

À margem da apresentação do programa eleitoral com que se apresenta a votos no dia 01 de outubro, o cabeça de lista pela coligação que junta PCP e PEV, Carlos Almeida, explicou que quando em 2013 a população "arredou o PS do poder", elegendo a Coligação Juntos por Braga (PSD/CDS-PP/PPM), tinha uma "grande vontade" de mudança, o que não aconteceu, segundo a CDU.

"Três mensagens que queremos passar [com o programa eleitoral apresentado]: concretizar a mudança de políticas, porque era de facto uma grande vontade da população quando em 2013 arredou o Partido Socialista do poder, inverter as prioridades de ação municipal porque representa precisamente essa mudança de políticas que os cidadãos anseiam, que as pessoas reclamam há muitos anos em Braga, e melhorar a vida dos bracarenses", enumerou o candidato comunista, vereador no executivo bracarense desde 2013.

Por isso, definiu, o programa eleitoral da CDU, "10 compromissos consubstanciados em 70 propostas para desenvolver nos próximos quatro anos", representam "uma rutura e uma inversão de prioridades" na gestão do município.

"Não é admissível que um município que gasta milhões e milhões de euros num mandato em incitativas que nós fazemos uma avaliação que não são prioritárias, iniciativas muitas vezes assessórias, não tenha tido disponibilidade financeira para corrigir este tipo de problemas, pelo menos em parte, progressivamente", afirmou o candidato, apontando como exemplo do que ficou por corrigir as 35 horas de trabalho para todos os funcionários do município ou as condições dos estaleiros municipais.

Segundo Carlos Almeida, há duas áreas a "destacar do programa eleitoral" apresentado: "Educação e Cultura é onde considerámos que tem que ser feito o maior investimento, não é só um investimento de requalificação do parque escolar, que é necessário, tem que ser feito".

"Mas estamos a falar de uma aposta na própria rede educativa, nas condições em que as atividades de enriquecimento curricular são prestadas, das refeições escolares, dos transportes escolares (...) são precisas boas condições em toda a área do concelho, bons transportes, em segurança, conforto, ferramentas com que as crianças possam estudar", explanou.

A 01 de outubro concorrem à Câmara de Braga Carlos Almeida (CDU), Ricardo Rio (Coligação Juntos por Braga - PSD/CDS-PP/PPM), Paula Nogueira (BE), Miguel Corais (PS) e Armando Caldas (Nós Cidadãos!).

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon