Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Autárquicas: Fabian Figueiredo (BE) quer que Loures tenha intervenção na Carris

Logótipo de O Jogo O Jogo 19/09/2017 Administrator

O candidato do Bloco de Esquerda à Câmara Municipal de Loures, Fabian Figueiredo, criticou hoje o serviço da transportadora Barraqueiro no concelho e defendeu a integração do município no conselho de administração da Carris.

Em declarações à agência Lusa, depois de uma visita à união das freguesias de Santo António dos Cavaleiros, no concelho de Loures (distrito de Lisboa), o candidato bloquista afirmou que existe um "grave problema com o serviço de transportes públicos no município".

"É elucidativo o problema de transportes que existe no concelho de Loures. Ainda esta tarde estivemos em Santo António dos Cavaleiros e em Frielas a afixar horários dos autocarros e a enumerar as paragens, porque quem o devia fazer não o faz", afirmou.

Fabian Figueiredo criticou o serviço prestado pela Barraqueiro no município de Loures e defendeu a necessidade de "serem encontradas alternativas", quer com a criação de transportes municipais, quer com a integração do município no conselho de administração da Carris.

"Loures tem de ter uma palavra a dizer na Carris. Isso ia ter logo três consequências: Iria aumentar o número de linhas, baixar o preço dos bilhetes e proporcionar descontos de 60% a idosos e reformados, como acontece em Lisboa", defendeu.

A título exemplificativo, o candidato referiu que um morador na freguesia de Lousa que queira ir trabalhar para Santo António dos Cavaleiros (cerca de 12 quilómetros) tem de pagar um passe de 60 euros, enquanto se for para o concelho de Lisboa o valor do título sobe para o dobro (120 euros).

"Estamos a falar de um valor extremamente elevado e que demonstra a dificuldade que existe em circular entre freguesias e entre concelhos vizinhos", apontou.

Ainda em matéria de transportes públicos, Fabian Figueiredo reiterou a necessidade de a linha do Metropolitano de Lisboa chegar à cidade de Loures e de Sacavém.

"É uma proposta que tem sido constantemente adiada e esta é a altura certa", concluiu.

Nas próximas eleições autárquicas, marcadas para 01 de outubro, concorrem à presidência da Câmara Municipal de Loures o atual presidente do executivo, Bernardino Soares (CDU), Sónia Paixão (PS), André Ventura (PSD/PPM), Fabian Figueiredo (BE), Pedro Pestana Bastos (CDS-PP), Ana Sofia Silva (PAN), Mário Pontes (PDR/JPP), Nélson Batista (Nós, Cidadãos!), Bruno Gomes (PTP) e João Resa (PCTP-MRPP).

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon