Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Autárquicas: Manuel Machado diz que agricultura também é importante para economia de Coimbra

Logótipo de O Jogo O Jogo 23/09/2017 Administrator

A agricultura também é uma atividade "muito importante" para a economia do município de Coimbra, sustentou hoje, durante uma visita à Feira dos 23, o candidato do PS à Câmara da cidade, Manuel Machado.

Em Coimbra há cultura, indústrias tradicional, inovadora, criativa e cultural, há turismo e serviços, mas também "existe uma outra componente, que às vezes não é lembrada, que é a atividade agrícola", igualmente "muito importante, graças aos terrenos férteis do rio Mondego", afirmou Manuel Machado.

O candidato socialista e atual presidente da Câmara, Manuel Machado, deslocou-se, por isso, hoje ao início da manhã, à Feira dos 7 e 23, certame que se realiza, nestes dias do mês, num recinto da periferia da cidade e que, prometeu, vai ser beneficiado em cooperação com a Junta da União de Freguesias de São Martinho do Bispo e Ribeira de Frades.

Para apoiar a agricultura, foi criada, "há um ano, uma [agência] DLBC (Desenvolvimento Local de Base Comunitária (DLBC), que foi a primeira" a ser instituída no concelho, para "apoiar os pequenos agricultores" e outros pequenos produtores e empresas ("não apenas agrícolas") a adquirirem maquinaria e outro equipamento e a criarem os seus postos de trabalho, salientou o recandidato à Câmara.

Mas não foi fácil criar a DBLC, pois, "no Terreiro do Paço, havia muita gente que imaginava que Coimbra era só aquele miolo" urbano que "todos conhecem, mas nós demonstrámos" que não é assim.

Isto também revela que "não temos receio de enfrentar as dificuldades e que apresentamos soluções" para "valorizar Coimbra, a cidade das 31 freguesias" (18 após o processo de agregação).

Essa DLBC ('Coimbra Mais Futuro'), que "tem assegurada uma verba de seis milhões de euros para investimentos até 150 mil euros" (e que "podem chegar até 300 mil euros, mediante determinadas condições"), é "essencial para os agricultores desenvolverem a sua atividade" e um meio de evidenciar o papel que o setor tem na economia local e que pode aumentar.

Do mesmo modo, acrescentou, aquele "valor global de investimento", comparticipado por fundos comunitários, pode ser aumentado, em função, designadamente, dos projetos que vierem a ser validados.

Nas eleições autárquicas de 01 de outubro, são candidatos à Câmara de Coimbra o atual presidente, Manuel Machado (PS), Francisco Queirós (CDU), Jorge Gouveia Monteiro (Cidadãos por Coimbra), Vítor Ramalho (PNR), Jaime Ramos (PSD/CDS-PP/PPM/MPT), José Manuel Silva (Somos Coimbra) e Vítor Marques (PAN).

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon