Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Autárquicas: Ministro das Finanças entra em campanha de Medina "enquanto lisboeta"

Logótipo de O Jogo O Jogo 21/09/2017 Administrator

O ministro das Finanças, Mário Centeno, participou "enquanto lisboeta" numa ação de campanha do candidato do PS à Câmara de Lisboa, Fernando Medina, e escusou-se a comentar a estratégia orçamental hoje conhecida alternativa à do Governo.

"O Mário Centeno está hoje aqui enquanto lisboeta, com um enorme orgulho de ser lisboeta e de poder estar ao lado de Fernando Medina e da equipa que tem para a cidade de Lisboa", disse o governante quando questionado sobre o estudo de economistas do Institute of Public Policy hoje divulgado pela imprensa.

O documento propõe uma estratégia orçamental alternativa à que é seguida pelo Governo (de maioria socialista), que assenta em maior despesa pública e menor ambição na redução do défice para, mesmo assim, conseguir mais crescimento económico e menor dívida.

"Nós temos um programa político que está a ser implementado e que está a ser cumprido exemplarmente, assim como foi em Lisboa", sublinhou Mário Centeno.

O ministro também não quis comentar as declarações do deputado do PS Paulo Trigo Pereira, que indicou, em declarações ao Público e à Renascença, que atingir todas as metas -- em termos de carreiras, IRS e pensões -- "é alquimia".

"Lá está, é outro lisboeta. Há muitos lisboetas e muitas ideias", observou Mário Centeno, notando que, como foi jogador de rugby, sabe "o que é a resiliência e o espírito de combate justo".

Falando aos jornalistas no final de uma visita às instalações de Lisboa da 'startup' portuguesa Aptoide, que se afirma como maior plataforma independente de aplicações para Android, Mário Centeno apontou que a sua presença visou também mostrar que "o crescimento económico em Portugal também é feito de inovação, de economia e de jovens".

"Aqueles que, felizmente, não perdermos ao longo de quatro anos de saída maciça de jovens da nossa sociedade", apontou.

Mário Centeno, que reside na freguesia lisboeta dos Olivais, é mandatário da candidata do PS àquela Junta, Rute Lima, e também se escusou a explicar esta associação.

Já o candidato do PS e atual presidente do município de Lisboa, Fernando Medina, justificou a presença de Mário Centeno afirmando que "nada é mais importante do que dar o exemplo de Lisboa, de como Lisboa está a contribuir para puxar a economia do país, àquele que também tem sido um dos principais responsáveis por puxar a economia do país".

Nas eleições de 01 de outubro concorrem à presidência da Câmara de Lisboa Assunção Cristas (CDS-PP/MPT/PPM), João Ferreira (CDU), Ricardo Robles (BE), Teresa Leal Coelho (PSD), o atual presidente, Fernando Medina (PS), Inês Sousa Real (PAN), Joana Amaral Dias (Nós, Cidadãos!), Carlos Teixeira (PDR/JPP), António Arruda (PURP), José Pinto-Coelho (PNR), Amândio Madaleno (PTP) e Luís Júdice (PCTP-MRPP).

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon