Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Autárquicas: Moreira (independente) assegura que não esconde apoio do CDS no Porto

Logótipo de O Jogo O Jogo 22/09/2017 Administrator

O candidato independente à Câmara do Porto, Rui Moreira, negou hoje estar a esconder o apoio do CDS-PP à sua recandidatura, mas deixou claro que não vai encontrar-se com a líder do partido, que está na cidade.

"Não escondo nada. Nunca escondi, nem há quatro anos, nem agora. O CDS apoia a minha candidatura. Quando Pizarro [candidato do PS, que, até maio, manteve um acordo pós-eleitoral com o independente] queria estar nesta candidatura nunca levantou problema pelo facto de o CDS também a apoiar", disse Moreira aos jornalistas numa ação de rua na Baixa.

A líder do CDS-PP está hoje no Porto, mas Moreira negou qualquer encontro com Assunção Cristas, nem sequer "de forma privada", destacando que, há quatro anos, o partido "não condicionou" a candidatura, percebendo que é "independente".

"Tenho muito orgulho numa coisa: o CDS há quatro anos apoiou-nos, não nos condicionou, tratou-nos muito bem e estamos muito agradecidos. O CDS percebeu nessa altura que esta é uma candidatura independente e apoiou-nos. Como este ano nos apoia o MPT. Como apoia Pizarro a Renovação Comunista", afirmou.

Questionado sobre se não seria natural haver um encontro com a líder do partido que o apoia, Moreira notou que "não vai ter nenhum encontro" com Cristas, da mesma forma que não está previsto que a "centrista" participe em qualquer ação da campanha do independente.

"Soube, há pouco, que [a líder do CDS-PP] estaria num jantar que decorre hoje no Porto com o Presidente da República, ao qual não vou. Não me vou encontrar de forma privada, porque já disse qual vai ser a minha agenda hoje", disse.

"Vou fazer isto [a ação de rua na Baixa], vou à apresentação do programa da junta de freguesia e depois vou ao futebol. Eu sei da minha vida, não da dos outros", descreveu.

"Não pergunto às pessoas que aqui estão se são do CDS", vincou.

Moreira disse ainda não ter "problemas em estar com ninguém", nem "com o líder do PS, que tem vindo ao Porto tantas vezes apoiar Manuel Pizarro e é também membro do Governo".

"Pode ser que, um dia destes, consiga encontrar alguém do Governo que venha cá e não seja para fazer campanha", observou, explicando não estar a fazer "critica nenhuma" mas "uma constatação" e a afirmar ter "muito gosto em encontrar as pessoas".

São candidatos à Câmara do Porto o independente Rui Moreira, apoiado pelo CDS-PP e MPT, o socialista Manuel Pizarro, Álvaro Almeida, pela coligação PSD/PPM, Ilda Figueiredo, da CDU, João Teixeira Lopes, do BE, Bebiana Cunha, do PAN, Costa Pereira, do PTP, Sandra Martins, do PNR, e Orlando Cruz, do PPV/CDC.

As eleições autárquicas realizam-se a 01 de outubro.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon