Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Autárquicas: Narciso Miranda quer construir lares e cuidados continuados em Matosinhos

Logótipo de O Jogo O Jogo 12/09/2017 Administrator

O candidato independente à Câmara Municipal de Matosinhos Narciso Miranda quer construir três lares de terceira idade e quatro unidade de cuidados continuados para responder às "atuais necessidades" da população.

Os lares serão para construir "num período máximo" de três anos em Leça da Palmeira, Senhora da Hora e Padrão da Légua, disse hoje Narciso Miranda.

Numa ação de pré-campanha, realizada junto a uma unidade de cuidados continuados construída há três anos e completamente abandonada, dado nunca ter entrada em funcionamento, o independente referiu que uma das suas prioridades é colocá-la a funcionar, além da criação de mais uma unidade destas em cada união de freguesia.

"Esta unidade de cuidados continuados deveria entrar em funcionamento há três anos e, pelo contrário, está abandonada há três anos. A câmara investiu aqui 4,2 milhões de euros para nada, isto é dinheiro perdido", sustentou.

O candidato realçou que existe, neste setor, uma carência "enorme", sendo fundamental Matosinhos investir mais "nas e para as pessoas" porque é um concelho com um ritmo de envelhecimento significativo.

Outras das medidas para promover um "envelhecimento ativo" é a edificação de dois centros de dia, um em Leça da Palmeira e outro no Padrão da Légua, tal como reforçar a rede já existente.

Narciso Miranda recordou que nos últimos 12 anos não foram construídos lares, nem centros de convívio, tendo sido feitas apenas três alterações nestes equipamentos que são "manifestamente poucas".

Além destes espaços, o independente quer "devolver" as atividades aos seniores, nomeadamente a realização de passeios e festas de dias comemorativos, como Natal ou Dia do Idoso.

"Acabou-se com tudo isso, é ponto de honra que neste Natal de 2017, comigo na câmara, haverá uma festa para os idosos e, em 2018, todas as atividades suspensas serão retomadas", adiantou.

Narciso Miranda quer ainda criar o cartão sénior para que os idosos tenham acesso a equipamentos municipais, ajudar em pequenas reparações em casa com técnicos, pôr em prática um sistema de teleassistência para situações de emergência e criar alojamentos coletivos onde as pessoas partilham um espaço comum, mas com um quarto privado.

Além de Narciso Miranda, concorrem à Câmara Municipal de Matosinhos, no distrito do Porto, Luísa Salgueiro (PS), Jorge Magalhães (PSD), José Pedro Rodrigues (CDU), Ferreira dos Santos (BE), Filipe Cayolla (PAN) e António Parada (independente com o apoio do CDS-PP).

Atualmente, o executivo é composto por seis elementos do Grupo de Cidadãos Eleitores Guilherme Pinto por Matosinhos, dois do PS, um do PSD, um da CDU (com pelouro atribuído por Guilherme Pinto) e um independente.

As eleições autárquicas realizam-se a 01 de outubro.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon