Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Autárquicas: Portalegre precisa de um "choque de atitude" - candidato do PSD

Logótipo de O Jogo O Jogo 21/09/2017 Administrator

O candidato do PSD à presidência da Câmara de Portalegre, Armando Varela, defendeu hoje que o concelho precisa de um "choque de atitude", sendo esta a "primeira medida" que pretende tomar caso vença as eleições autárquicas.

"Em primeiro lugar de um choque de atitude e essa atitude é descer as escadas da câmara municipal e ir ter com o povo. Ninguém pode resolver os problemas que não conhece, o povo conhece os problemas e tem as soluções para os seus problemas", disse.

Para o candidato do PSD, que falava à agência Lusa à margem de uma ação de campanha para as eleições autárquicas de 01 de outubro, na freguesia rural de Carreiras, o concelho que é gerido por independentes, necessita ainda de "atrair" investimento e "gerar" emprego nos próximos anos.

"Nós andamos pelas ruas de Portalegre e, de facto, há um sentimento de angústia das pessoas que sentiram que os seus filhos e os seus netos foram embora por não terem emprego", lamentou.

Para que se inverta a situação, Armando Varela, que ainda exerce a função de presidente da Câmara de Sousel, defende a criação de uma agência de desenvolvimento regional e de captação de investimento, bem como a criação de parcerias com várias entidades, na busca "pelo mundo inteiro" de investidores para Portalegre.

"É possível inverter a parábola do despovoamento, é possível olhar para o Parque Natural da Serra de São Mamede, é importante e é possível olhar para o espólio arqueológico de um valor incalculável de nível mundial como nós temos e é possível induzir visitação ao concelho", disse.

"Ninguém quer viver em Portalegre com as ruas como estão, com os jardins mal cuidados, e esta é a primeira coisa que quero fazer assim que for empossado presidente da câmara", acrescentou.

Defendendo que Portalegre precisa de "mais ambição, liderança, projetos, ideias e uma estratégia", o candidato alertou ainda que, "acima de tudo", Portalegre tem que saber "onde quer chegar", não esquecendo a sua população rural.

Na aldeia de Carreiras, a extensa comitiva social-democrata foi recebida com muito entusiasmo pelos habitantes, situação que levou o candidato a agradecer a receção "fantástica" que tem tido ao longo da campanha.

Além de Armando Varela, apresentam-se como candidatos à Câmara de Portalegre a atual presidente, Adelaide Teixeira que está a cumprir o primeiro mandato pela Candidatura Livre e Independente por Portalegre (CLIP), José Correia da Luz (PS), Luís Pargana (CDU) e Rui Cunha (BE).

O atual executivo municipal é composto por quatro eleitos da CLIP, dois do PS e um da CDU.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon