Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Autárquicas/Porto: Pizarro, o autarca "dedicado" que "vai à luta" pelo PS

Logótipo de O Jogo O Jogo 11/09/2017 Administrator

O médico Manuel Pizarro, de 53 anos, ex-vereador da Habitação de Rui Moreira, é pela segunda vez candidato do PS à Câmara do Porto, depois da rutura que ditou o fim do apoio socialista à recandidatura do independente.

Até maio, o PS tinha prescindido de apresentar um candidato próprio ao Porto, onde mantinha desde 2013 uma coligação pós-eleitoral com o presidente da autarquia, mas "perante a inopinada rutura" de Moreira, Pizarro "não virou a cara ao Porto e foi à luta", descreve o secretário-geral do PS.

Numa declaração escrita enviada à Lusa, António Costa destaca que o ex-secretário de Estado da Saúde podia "ser membro do Governo ou deputado", mas preferiu manter-se no Porto, devido à paixão e dedicação pela vida autárquica.

"Tem a paixão pela vida autárquica que abraçou com a maior dedicação nestes quatro anos. Podia ser membro do Governo ou deputado. Preferiu continuar como vereador e a cumprir o acordo que garantiu a governabilidade do Porto", afirma o líder socialista.

"Surpreendido com a inopinada rutura do acordo por Rui Moreira, não virou a cara ao Porto e foi à luta e lutará sempre pelo Porto", acrescenta.

Costa sublinha ainda que Pizarro "adora a cidade", mostrando-a "com gosto nos seus recantos a quem não a conhece".

"Tem sido o meu guia nas longas caminhadas que gostamos de dar e onde tenho descoberto o Porto dos portuenses, que conhece como poucos", revelou.

Para o mandatário da candidatura, João Pedro Matos Fernandes, Pizarro é "um homem muito profundo e sabedor, com uma grande cultura do mundo e um grande conhecimento do Porto".

Na apresentação das listas da candidatura, Matos Fernandes, que antes de ser ministro do Ambiente foi presidente da empresa municipal Águas do Porto, gabou Pizarro pela "espantosa capacidade de aliar um conhecimento profundo da cidade a um grande sentido prático".

"É um homem capaz de fazer", descreve.

O médico Miguel Guimarães considera que Pizarro é "genuíno nas atitudes" e está "empenhado em devolver às pessoas a dignidade que merecem".

Alexandra Bento, bastonária da Ordem dos Nutricionistas, reconhece a Pizarro "mestria, experiência, rigor, competência, motivação, lealdade, capacidade de trabalho e de liderança".

Tudo isto, acrescenta, "em perfeita conjugação com humanismo, simplicidade e boa disposição".

A bastonária elogia ainda a ideia de criar "uma marca agregadora" na área da saúde, o 'Porto Health Innovation District', que "permitirá valorizar internacionalmente a cidade".

O candidato, que em 2013 alcançou 22,68% dos votos, manteve com Moreira uma coligação pós-eleitoral no âmbito da qual foram atribuídos pelouros a dois dos três vereadores eleitos pelo PS: Pizarro ficou com a Habitação e a Ação Social e Manuel Correia Fernandes com o Urbanismo.

Nesta recandidatura, o socialista indica como prioridade a Coesão Social, área onde admite existir "um enorme trabalho a fazer".

Em julho, apresentou um programa detalhado para disponibilizar três mil casas com rendas acessíveis a construir em cerca de 20 terrenos camarários "já identificados".

O também líder da Federação Distrital do PS/Porto e ex-líder da concelhia do PS Porto ocupou múltiplos lugares de direção no PS, integrando o primeiro Secretariado Nacional de António Costa.

Em 2005, quando ocupava a bancada da oposição na Câmara do Porto, durante o segundo mandato do social-democrata Rui Rio, foi eleito deputado à Assembleia da República.

Em 2008 deixaria a vereação para assumir o lugar de secretário de Estado da Saúde, que ocupou até 2011.

É licenciado em Medicina pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto e especialista em Medicina Interna, com trabalho científico publicado.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon