Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Autárquicas/Setúbal: Fernando Firmino, do PCTP/MRPP, quer melhorar serviços públicos

Logótipo de O Jogo O Jogo 15/09/2017 Administrator

A melhoria dos serviços públicos, dos transportes ao abastecimento de água, são algumas prioridades de Fernando Firmino, cabeça de lista do PCTP/MRPP nas eleições autárquicas para a Câmara de Setúbal, que se realizam a 01 de outubro.

Natural da Vila de Silvares, no concelho do Fundão, mas residente em Setúbal há 20 anos - desde 1997 - Fernando Firmino, 59 anos, reformou-se há pouco tempo depois de uma carreira profissional na área da segurança privada.

Militante do PCTP/MRPP, o candidato defende a necessidade de uma gestão mais rigorosa da autarquia e a necessidade de uma nova estrutura intermunicipal, com eleição direta, que seja capaz de defender os interesses da região, que designa como Área Especial de Lisboa.

Fernando Firmino considera que é necessário um "mecanismo de controlo coletivo que permita a implementação de serviços públicos essenciais, designadamente no que respeita ao abastecimento de água, transportes públicos acessíveis, frequentes, pontuais, confortáveis e seguros".

Apaixonado pela história regional e local e colaborador de alguns órgãos de comunicação social da região de Setúbal, o candidato do PCPTP/MRPP diz ser sensível às questões ambientais e defende que a Câmara de Setúbal deveria ter uma posição mais dura relativamente às empresas poluidoras que constituem uma ameaça para o património natural da região, designadamente o Parque Natural da Arrábida e Reserva Natural do Estuário do Sado.

Além de Fernando Firmino (PCTP/MRPP), concorrem à câmara de Setúbal a atual presidente do município, Maria das Dores Meira (PCP-PEV), Fernando Paulino (PS), Nuno Carvalho (PSD), Ana Clara Birrento (CDS) e Sandra Cunha (BE), Luís Teixeira (PAN) e Sandra Isabel da Encarnação (PTP).

Em 2013, a coligação PCP/PEV, que governa o município setubalense com maioria absoluta, teve 41,93% dos votos (seis eleitos), o PS 26,41% (quatro eleitos) e a coligação PSD/CDS-PP 12,85% (um vereador).

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon