Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Autárquicas: Somos Coimbra diz que falta de transportes condiciona votação da população

Logótipo de O Jogo O Jogo 18/09/2017 Administrator

O candidato à Câmara Municipal pelo movimento Somos Coimbra, José Manuel Silva, disse hoje que a falta de transportes públicos, ao domingo, em várias freguesias do concelho condiciona o acesso da população aos locais de voto.

"Ao domingo há pessoas que não conseguem sair das suas zonas, ficam enclausuradas, porque deixa de haver transportes. Sendo as eleições ao domingo, as pessoas têm grandes dificuldades de se deslocar, porque não têm transportes públicos", disse hoje José Manuel Silva aos jornalistas, durante a inauguração simbólica de uma paragem de autocarro dos Serviços Municipalizados de Transportes Urbanos de Coimbra (SMTUC) na localidade de Botão, a norte da cidade.

"Há zonas onde as pessoas disseram 'nós não conseguimos ir votar porque não temos transportes. Ou então temos de apanhar um táxi e fica num valor incomportável porque têm de esperar por nós'. Isto não é compaginável com a função social dos transportes públicos, têm de servir de forma homogénea e justa as pessoas de todo o concelho", argumentou o candidato.

A paragem de autocarro, com a inscrição 'SMTUC Para Todos', foi hoje colocada simbolicamente junto à entrada do cemitério do Botão, uma das povoações que não é servida pela rede de transportes públicos municipalizados, a exemplo de outras freguesias do sul e oeste do concelho.

"Queremos com isto pugnar para que todas as freguesias do concelho sejam igualmente bem servidas pelos transportes públicos, porque de facto a vida das freguesias mais periféricas depende dos transportes. É preciso que toda a população seja homogeneamente servida por transportes, mas mesmo dentro da cidade de Coimbra há problemas, a população do Tovim tem um autocarro que vai apenas à zona de entrada do Tovim e deixa centenas de metros de habitações a descoberto que as pessoas não conseguem fazer a pé", afirmou José Manuel Silva.

O movimento Somos Coimbra defende, além da autorização de horários e percursos, a extensão do serviço a todo o concelho e a modernização dos autocarros, tornando-os "mais amigos do ambiente e mais inclusivos para uma população cada vez mais envelhecida".

Por outro lado, o candidato considera "justa" a greve dos motoristas dos autocarros, anunciada para 30 de setembro e 01 de outubro, dia das eleições, defendendo a revisão das carreiras destes profissionais. Acusa ainda a autarquia e a administração dos SMTUC de desprezar a "experiência dos motoristas".

Nas eleições autárquicas, são candidatos à Câmara de Coimbra o atual presidente, Manuel Machado (PS), Francisco Queirós (CDU), Jorge Gouveia Monteiro (Cidadãos por Coimbra), Vítor Ramalho (PNR), Jaime Ramos (PSD/CDS-PP/PPM/MPT), José Manuel Silva ('Somos Coimbra') e Vítor Marques (PAN).

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon