Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Autárquicas:Vereador do PSD é candidato para "fazer mais e melhor" por Machico

Logótipo de O Jogo O Jogo 07/09/2017 Administrator

O atual vereador do PSD na Câmara de Machico Ricardo Sousa é o candidato do partido à presidência da autarquia nas próximas eleições de 01 de outubro, declarando acreditar ser possível fazer "mais e melhor" pelo concelho.

Ricardo Sousa, 45 anos, é professor de Química do ensino secundário, foi presidente da junta de freguesia de Machico e é o responsável do Núcleo Regional da Liga Portuguesa Contra o Cancro na Madeira.

O cabeça de lista neste concelho no extremo leste da Madeira que, em termos políticos, ficou marcado pela alternância entre a UDP, PS e PSD, é governado desde as últimas eleições autárquicas (2013) por uma maioria socialista.

"Tentar devolver a esperança aos machiquenses, apostando numa política de desenvolvimento económico, de cariz social, de reforço da educação, ambiente, segurança e credibilidade dos agentes políticos" são os objetivos da sua candidatura.

Ricardo Sousa vinca "ser possível fazer mais e melhor por Machico", afirmando que o PSD tem como meta reconquistar a Câmara Municipal e vencer em todas as cinco freguesias e a Assembleia Municipal com "maioria absoluta".

Para o cabeça de lista social-democrata, é necessário tornar este concelho "mais dinâmico", criando "novas e melhores oportunidades de investimento e de emprego" que cativem e tornem esta localidade "mais atrativa" para os residentes e os visitantes.

A criação e revitalização de eventos - como a semana gastronómica de Machico -, mais formação profissional, um programa de estágios para jovens e desempregados com mais idade, estimular o empreendedorismo acompanhando os investidores, são algumas das medidas que protagoniza para fomentar emprego no município.

O candidato também destaca o potencial turístico de Machico, defendendo que deve ser desenvolvido um mecanismo de divulgação regional, nacional e internacional, o que passa por uma "articulação" com as ações promocionais desenvolvidas pelo Governo Regional.

Ao nível social, aponta o problema da falta de habitação, indicando que uma das medidas que pretende implementar é a 'via verde', que passa pela isenção da burocracia para os jovens que queiram construir habitação e pretendam fixar-se no concelho.

O desenvolvimento do polo comunitário, envolvendo todas as instituições para evitar a duplicação de apoios atribuídos aos mais necessitados, ajudas para fomentar o aumento da taxa de natalidade e uma política de proximidade, são outros objetivos que pretende concretizar.

Também indica a necessidade de incentivar o alojamento local na freguesia do Porto da Cruz (costa norte), um núcleo arqueológico da Sidra no Santo da Serra, localidade conhecida por ser a maior produtora esta bebida, além de mais apoio aos jovens e pescadores da "pitoresca" freguesia do Caniçal.

O atual executivo municipal de Machico é composto por quatro eleitos do PS, incluindo o presidente Ricardo Franco, e três do PSD sem pelouros.

Na corrida à presidência da Câmara Municipal nas eleições autárquicas que se realizam a 01 de outubro são também candidatos Marietta Drumond (CDS), Carlos Costa (JPP), Pedro Carvalho (CDU), Ricardo Franco (PS), Ricardo Giestas (BE), Álvaro Araújo (PNR), Lucília Sousa (PTP), Virgínia Henriques (MPT) e Fernanda Calaça (PCTP/MRPP).

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon