Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Autoridades colombianas confirmam morte de ex-guerrilheiro indultado

Logótipo de O Jogo O Jogo 15/07/2017 Administrator

Bogotá, 15 (Lusa) -- As autoridades colombianas confirmaram na sexta-feira o assassínio de um ex-guerrilheiro das FARC, indultado após o acordo de paz firmado com o Governo.

Trata-se de Juan Fernando Amaya, de 23 anos, que pertenceu à Frente 18 das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC). O jovem foi encontrado degolado no município de Ituango, departamento de Antioquia, informou o autarca local, Hernán Darío Álvarez.

O ex-guerrilheiro recebeu um indulto em abril, através da lei de amnistia que o Congresso colombiano aprovou em 2016 como parte do acordo de paz.

Amaya esteve três anos na prisão Bellavista, de Medellín, pelos crimes de conspiração para fins terroristas, financiamento de terrorismo e rebelião.

A 11 de julho o Governo colombiano informou que, até esse momento, 7.696 ex-guerrilheiros tinham recebido indultos e amnistias.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon