Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Bês do V. Guimarães prontos para darem o salto

Logótipo de O Jogo O Jogo 18/04/2017 Ana Proença

Hélder Ferreira, talvez a maior revelação da equipa B esta época, tem apenas 20 anos, mas poderá ser uma das surpresas do plantel principal em 2017/18. Vítor Campelos comanda outros destaques

Sacko (na foto), Marcos Valente, Dénis Duarte, Vigário, Tyler Boyd e Hélder Ferreira são os jogadores da equipa B que estão mais perto do plantel principal © Miguel Pereira/Global Imagens Sacko (na foto), Marcos Valente, Dénis Duarte, Vigário, Tyler Boyd e Hélder Ferreira são os jogadores da equipa B que estão mais perto do plantel principal

A realizar a época mais consistente na II Liga (ocupa o 11.º lugar, mas está a um triunfo de distância do quarto posto), o Vitória B continua a alimentar o plantel principal de jogadores (ver ao lado lista completa referente a 2016/17).

Depois de Raphinha, Konan e João Pedro (este entretanto transferido para a MLS) terem ganho espaço nas opções de Pedro Martins, todos jogadores que na temporada passada estavam a representar os bês no segundo escalão, já outros se perfilam para fazer o mesmo trajeto na próxima época.

Os centrais Marcos Valente e Dénis Duarte, o defesa-direito Sacko, o defesa-esquerdo Vigário e os extremos Tyler Boyd e Hélder Ferreira são os jogadores em destaque na equipa comandada por Vítor Campelos e que estão mais perto da promoção.

Alguns deles, ou até mesmo todos, poderão ser chamados à pré-época, espaço privilegiado de observação, ficando depois o treinador com a decisão de os incluir no plantel no imediato ou posteriormente. No arranque desta temporada, no estágio de pré-época, Martins observou jogadores como Konan, João Pedro, Raphinha, Vigário e Tyler Boyd e acabou por aproveitar, como se sabe, a maioria.

A promoção de jogadores da equipa B ao plantel principal vai flutuar consoante as necessidades ditadas pelo mercado de verão. Por exemplo, se Bruno Gaspar for transferido, havendo vários clubes interessados, o maliano Sacko subirá automaticamente um degrau.

E se os centrais Marcos Valente e Dénis Duarte (oito golos, quase todos de penálti) já deram provas de que estão prontos para um nível competitivo mais elevado, a surpresa poderá chamar-se Hélder Ferreira, de 20 anos, que acaba de ser pré-convocado para o Mundial de sub-20 (tal como Alexandre Silva, de resto).

A queimar etapas, e podendo jogar nas duas alas, o extremo é a revelação da equipa B. Há ainda a considerar eventuais subidas de jogadores como Joseph, Cafu Phete e Alexandre Silva, já utilizados na equipa principal nesta época e na passada.

Na última temporada, dez jogadores da equipa B foram chamados ao plantel principal, embora só dois tenham jogado de forma consistente: Miguel Silva e Dalbert.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon