Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Banco Atlântico espera mais 10 mil clientes com contas por videoconferência

Logótipo de O Jogo O Jogo 05/07/2017 Administrator

O Banco Atlântico Europa, a primeira instituição portuguesa a disponibilizar a abertura de conta por videoconferência, prevê angariar mais 10 mil clientes até ao final do ano com este novo serviço.

"Queremos até ao final do ano adquirir mais 10 mil clientes", disse Pedro Leitão, administrador do banco detido por capitais angolanos, adiantando que são os países de língua oficial portuguesa (PALOP) e da União Europeia os principais focos de captação de clientes.

O banco, criado em 2009, conta neste momento com cerca de 15 mil clientes, dos quais cerca de 25% residentes na Alemanha e Áustria e 40% nos PALOP.

O presidente do banco, Diogo Cunha, que falava numa demonstração, na sede do banco em Lisboa, da abertura de conta 'online' por videoconferência, permitida pelo Banco de Portugal desde segunda-feira, defendeu que este processo sem necessidade da presença do titular da conta é "uma mudança de paradigma da banca em Portugal" e, na sua opinião, pode mesmo mudar o futuro do setor e dos serviços bancários.

Digo Cunha disse ainda que o banco tem já autorização para a livre prestação de serviços em oito países - Reino Unido, Alemanha, França, Espanha, Itália, Irlanda, Holanda e Áustria - e acredita terem um bom potencial de desenvolvimento, especialmente desde que há a possibilidade de abrir conta sem ser presencialmente.

O processo de abertura de conta por videoconferência demora cerca de 15 minutos, tendo o banco neste momento já 150 clientes que, desde junho, estavam experimentalmente a proceder a esta abertura de contas.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon