Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Bas Dost marcou três, mas Bota de Ouro vai para Messi

Logótipo de O Jogo O Jogo 21/05/2017 Rui Trombinhas

O Sporting fechou a I Liga portuguesa de futebol com uma goleada sobre o Desportivo de Chaves (4-1), mas os três tentos anotados por Bas Dost na 34.ª e última jornada foram insuficientes para destronar Lionel Messi.

© Filipe Amorim

No capítulo final da I Liga 2016/17, o internacional holandês marcou aos 11, 15 e 90+1 minutos, o primeiro e o último na conversão de grandes penalidades, sendo que, pelo meio, Matheus Pereira já tinha dilatado a vantagem 'leonina', aos 30, antes de William fazer o tento de honra dos flavienses, aos 60.

Bas Dost terminou, assim, a época com 34 golos na prova, mas acabou por perder a corrida pela Bota de Ouro para o 'astro' argentino do FC Barcelona, que encerrou a liga espanhola com 36 e foi coroado 'rei' dos marcadores nos campeonatos europeus.

Contudo, o registo do ponta de lança fê-lo emergir como o melhor marcador das últimas 15 edições da I Liga, sendo apenas superado por outro 'artilheiro' sportinguista, Mário Jardel, que, em 2001/02, somou 42 remates certeiros, que contribuíram sobremaneira para o último título arrecadado pelos 'verde e brancos'

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon