Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Baterias de sódio e manganês poderão ser alternativa às de lítio

Logótipo de O Jogo O Jogo 07/07/2017 Administrator

Baterias que usam manganês e sódio foram criadas na Universidade do Texas e poderão ser uma alternativa mais barata embora menos durável que o lítio, que atualmente garante a energia da generalidade dos telemóveis e carros elétricos.

"O lítio é um recurso limitado e mais caro que só pode ser extraído de algumas áreas do globo. Não há problema com a extração do sódio, que pode ser retirado da água do mar. Infelizmente, embora as baterias de iões de sódio possam ser mais baratas que as de lítio, o sódio consegue menos 20 por cento de densidade energética", afirmou Kyenongjae Cho, professor de ciência dos materiais e principal autor de um artigo hoje publicado na revista especializada Advanced Materials.

A investigação, conduzida em conjunto com a Universidade de Seoul, na Coreia do Sul, procurou encontrar uma alternativa para o problema da escassez do lítio, para dar resposta ao aumento da produção de veículos elétricos, que poderão chegar aos 70 milhões em 2025.

A bateria que criaram usa sódio em vez de lítio e manganês em vez de cobalto e níquel.

"Queremos fazê-las de modo a que possam ser produzidas em massa", afirmou Cho, lembrando que quando o norte-americano Thomas Edison inventou a lâmpada, tentou "milhares de materiais como filamento para ver quais funcionavam melhor".

Para resolver os problemas de engenharia mais importantes na sociedade de hoje, é preciso "desenvolver muitos materiais novos - baterias, controlo de poluição e outros", indicou, acrescentando que há demasiadas coisas a acontecer para ficar à espera que a solução seja encontrada por acaso.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon