Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Benfica de olho em talento romeno de 17 anos

Logótipo de O Jogo O Jogo 12/04/2017 Alcides Freire

Com 17 anos feitos em janeiro, o centrocampista romeno já é titular no Universitatea Craiova e tem o Benfica de olho nele

Com o radar de deteção de talentos ligado, o Benfica, apurou O JOGO, tem dedicado tempo a observações mais apertadas e locais a Vladimir Screciu, uma das grandes promessas do futebol romeno. Com 17 anos (nasceu em Corabia a 13 de janeiro de 2000), o centrocampista já atua como titular na principal equipa do Universitatea Craiova.

Internacional sub-17, estreou-se pelos seniores do Craiova a 2 de outubro de 2016. Fê-lo como suplente utilizado na derrota (2-1) ante o Steaua, em Bucareste. Depois de mais três presenças saindo do banco - contra Targu Mures (fora), Astra Giurgiu (casa) e Voluntari (casa) -, Screciu alinhou como titular pela primeira vez a 11 de março deste ano, na fase final do campeonato romeno, no empate sem golos no reduto do Astra Giurgiu. Foi também o seu primeiro jogo completo.

© D.R.

citacao Incluído numa bolsa de valores emergentes a não perder de vista, o internacional sub-17 romeno estreou-se nos seniores em outubro de 2016 e foi titular nas últimas cinco partidas de campeonato

Depois desse, houve quatro desafios já sob um olhar mais concentrado do Benfica. Vladimir Screciu teve a confiança plena do treinador Gheorghe Multescu e foi titular, não terminando apenas um desses encontros, precisamente o derradeiro da série, no seu estádio, perante o Steaua Bucareste.

Números de utilização contabilizados e somados, verificamos que Vladimir Screciu esteve em campo 515 minutos pela equipa A do Universitatea Craiova, tendo iniciado cinco jogos na qualidade de titular. Tudo isto com 17 anos feitos em janeiro, facto que já motivou os italianos a incluírem o romeno numa espécie de bolsa de talentos emergentes.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon