Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Benfica perdeu, mas ainda acredita: "Não há missões impossíveis"

Logótipo de O Jogo O Jogo 24/09/2017 Hugo Monteiro
© Filipe Amorim/Global Imagens

Benfica perdeu este domingo, com o Lukoil, da Bulgária, no pavilhão da Luz,por 91-82, em jogo da primeira mão da segunda pré-eliminatória de acesso à fase de grupos da Liga dos Campeões.

O Benfica perdeu este domingo, com o Lukoil, da Bulgária, no pavilhão da Luz,por 91-82, em jogo da primeira mão da segunda pré-eliminatória de acesso à fase de grupos da Liga dos Campeões de basquetebol. A segunda mão, na qual os benfiquistas terão uma missão quase impossível, disputa-se na terça-feira, em terras búlgaras.

"Também acho que não há missões impossíveis, mas teremos de corrigir meia dúzia de aspetos em que estivemos menos bem, pois temos condições para competir na Bulgária. O basquetebol português precisa imenso destes confrontos. A diferença entre as duas equipas esteve em pequenos detalhes, nomeadamente no jogo interior. Nos momentos críticos do jogo, não conseguimos travar a posição de poste baixo. Temos de ser muito mais fortes na defesa do jogo interior e colocar o perímetro a ajudar. A manta ficou um pouco curta. Fomos mais oscilantes do que o Lukoil e ocupámos menos espaços por falta de hábitos a jogar na Europa", comentou o treinador José Ricardo Rodrigues.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon