Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Bienal de Gaia com polos em oito localidades do Norte e Centro

Logótipo de O Jogo O Jogo 12/07/2017 Administrator

A Bienal Internacional de Arte Gaia 2017 tem, este ano, polos em oito localidades do Norte e Centro do país tendo já inauguradas as extensões do Porto e de Viana do Castelo, anunciou hoje a organização.

Seguem-se os polos de Seia, Vila Nova de Cerveira, Gondomar, Figueira da Foz, Barcelos e Monção.

O polo no Porto, na Fundação Escultor José Rodrigues, foi o primeiro a ser inaugurado com uma exposição antológica de Guilherme Camarinha, que mostra 12 obras diversas do mestre, nascido em 1912, em Valadares, Vila Nova de Gaia, e falecido em 1994, no Porto.

O curador da exposição é o professor Armando Coelho.

Em Viana do Castelo, o polo instalado no Espaço Linha Norte, no Estação Viana Shopping, tem patente até 30 de setembro a exposição "A Distância Real" que reúne cerca de 50 obras.

A curadora da exposição é Luísa Quintela, do Centro Cultural do Alto Minho.

A Bienal Internacional de Arte Gaia 2017 abriu no sábado, com o lançamento de 18 exposições no principal espaço do evento, o maior pavilhão do Centro Empresarial Fercopor (antiga Coats & Clark).

O dia de estreia foi marcado igualmente pela abertura das exposições na Biblioteca Municipal de Vila Nova de Gaia e no Convento Corpus Christi, da mesma cidade.

A segunda edição da Bienal internacional de Arte Gaia encerra no dia 30 de setembro.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon