Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Bolsas europeias em alta à espera das decisões do BCE

Logótipo de O Jogo O Jogo 26/10/2017 Administrator

As principais bolsas europeias estavam hoje em alta, com os investidores a anteciparem uma retirada gradual do programa de estímulos à economia do Banco Central Europeu (BCE) a partir de janeiro de 2018.

Cerca das 09:05 em Lisboa, o EuroStoxx 50, índice que representa as principais empresas da zona euro, estava em baixa, a descer 0,16% para 3.585,81 pontos.

As bolsas de Londres, Paris e Frankfurt estavam a subir 0,10%, 0,31% e 0,05%, bem como as de Madrid e Milão, que avançavam 0,05% e 0,07%.

Depois de ter aberto em baixa, a bolsa de Lisboa mantinha a tendência e, cerca das 09:05, o principal índice, o PSI20, estava a recuar 0,04% para 5.366,59 pontos.

Os mercados têm os olhos postos na reunião de política monetária do Banco Central Europeu (BCE) de hoje, da qual apenas esperam que saia a decisão sobre a retirada gradual do programa de estímulos monetários.

O presidente do BCE, Mario Draghi, disse que seria no encontro de outubro que o banco decidiria a continuação ou não do programa de compra de dívida pública e privada, que mantém há dois anos e meio e ao qual muitos atribuem boa parte da recuperação económica da zona euro.

O conselho de governadores - composto pelos governadores dos bancos centrais dos 19 países da zona euro e os seis membros do comité executivo da entidade - já debateu, no encontro de setembro, as diferentes alternativas relacionadas com o "ritmo e a duração" do programa de compras no próximo ano.

O orçamento da União Europeia para o próximo ano tem como prioridade responder aos desafios do ambiente geopolítico e a promover o investimento.

Em Nova Iorque, a bolsa em Wall Street terminou na quarta-feira com o Dow Jones a descer 0,48% para 23,329,46 pontos, depois de ter subido até aos 23.441,76 pontos, o máximo desde que foi criado em 1896, e o NASDAQ a recuar 0,52% para 6.563,89 pontos, depois de ter subido em 20 de outubro até ao máximo de 6.629,05 pontos.

A nível cambial, o euro abriu em alta no mercado de divisas de Frankfurt, a subir para 1,1829 dólares, contra 1,1811 dólares no encerramento de quarta-feira.

O barril de petróleo Brent, para entrega em dezembro, abriu hoje em baixa, a cotar-se a 58,37 dólares no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, menos 0,11% do que no encerramento da sessão anterior.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon