Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Bruno Varela: "Renato Sanches não deu um passo atrás"

Logótipo de O Jogo O Jogo 31/05/2017 Alcides Freire

Guarda-redes da Seleção de sub-21 considera que Portugal não é favorito no Europeu da categoria por ter chegado à final em 2015.

O jogador da Seleção portuguesa de sub-21 Bruno Varela recusou o favoritismo da formação lusa no Euro'2017 e frisou as dificuldades do grupo B da competição, que terá lugar na Polónia.

"Temos noção do grupo, vamos defrontar três equipas excelentes e com bons jogadores, mas nós também temos uma boa equipa e bons jogadores. Demonstrámos no último Europeu que temos capacidade, mas não é por isso que somos favoritos. Vamos pensar jogo a jogo", afirmou, em conferência de imprensa, na Cidade do Futebol, em Oeiras.

© Álvaro Isidoro/Global Imagens

Bruno Varela falava antes de mais um treino da equipa das quinas, que continua a preparar a participação no campeonato da Europa, no qual foi inserido no grupo B, juntamente com Espanha, Sérvia e Macedónia.

"São três equipas muito difíceis e esperam-nos três jogos diferentes. Não é só a Espanha. Cada jogo será complicado de certeza", disse, antes de salientar que o facto de Portugal ter sido finalista em 2015, numa decisão perdida para a Suécia, "valoriza" a equipa, mas não "coloca mais responsabilidade".

Por outro lado, o guarda-redes do Vitória de Setúbal, que já foi chamado por Fernando Santos à seleção principal, à semelhança de outros atletas que integram este grupo de sub-21, assegurou que a presença neste Europeu "não é um passo atrás".

"Temos de ter em conta que nos estamos a preparar para um Europeu que tem uma importância muito grande para a nossa seleção. Não é um passo atrás. O Renato [Sanches], por exemplo, foi campeão europeu no verão passado, mas não é um passo atrás. Quem vem de cima vem para ajudar", referiu.

Bruno Varela, de 22 anos, considerou ainda não partir em vantagem perante os outros dois guarda-redes convocados, Joel Pereira e Miguel Silva, lembrando que "qualquer um dos três está preparado para ser titular".

O campeonato da Europa de sub-21 disputa-se na Polónia, entre 16 e 30 de junho.

Portugal arranca a participação diante da Sérvia, no dia 17 de junho, seguindo-se os embates com a Espanha, a 20, e Macedónia, a 23.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon