Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Câmara do Funchal vai investir 273 mil euros em ETAR no Curral dos Romeiros

Logótipo de O Jogo O Jogo 25/10/2017 Administrator

A Câmara do Funchal vai investir 273 mil euros no sítio do Curral dos Romeiros, na freguesia do Monte, para facultar pela primeira vez à população daquele local uma ligação à rede pública de esgotos, anunciou hoje a autarquia.

Uma nota divulgada hoje pelo município funchalense refere que se trata de uma Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) compacta, que será cofinanciada pela candidatura já submetida ao Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR), que vai beneficiar um aglomerado populacional nas zonas altas onde existem 70 fogos e residem cerca de 300 pessoas.

A mesma informação aponta que esta população "não dispõe, até hoje, de serviços de saneamento básico, nomeadamente no que se refere à drenagem e ao tratamento das águas residuais domésticas", acrescentando que "as moradias existentes apresentam soluções individuais de tratamento, principalmente através de fossas séticas".

O vice-presidente da CMF, Miguel Silva Gouveia, que tem o pelouro das Águas e Saneamento Básico da principal autarquia da Madeira, aponta que "esta é a resposta a uma reivindicação antiga desta comunidade de cerca de três centenas de pessoas, sem ligação à rede pública de saneamento básico".

O autarca sublinha que esta intervenção também "reafirma o desígnio do executivo em continuar a combater as assimetrias nas zonas altas do concelho".

O responsável municipal realça que o objetivo do município do Funchal é "duplicar o investimento nas zonas altas do Funchal durante este mandato, num total de 15 milhões de euros, focados especialmente na melhoria de acessibilidades, em saneamento básico e no melhoramento de espaços públicos".

O Curral dos Romeiros, que é uma das "zonas habitacionais mais remotas do Funchal, tem sido uma constante ao longo dos últimos anos, com múltiplas iniciativas de beneficiação em vários domínios", mencionando que foi esta localidade que recebeu a primeira Unidade Local de Proteção Civil ULPC) no Funchal.

Ainda está perspetivada a recuperação da antiga escola do Curral dos Romeiros e que será a sede da recém-criada Unidade no seu piso superior, uma obra que já foi adjudicada.

Outro projeto em curso é a reabilitação do Caminho Reverendo Padre Eugénio Borgonovo, um percurso pedonal que estabelece a histórica ligação entre o sítio do Curral dos Romeiros e o Largo das Babosas, que era muito utilizado, não só pela população local para se dirigir ao centro da freguesia, como também por turistas, e que representa um investimento cofinanciado de 400 mil euros.

Miguel Silva Gouveia sublinha que "a intenção da autarquia continua a ser combater o isolamento do Curral dos Romeiros, potenciando aquele núcleo turisticamente e ajudando a catalisar a microeconomia do local".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon