Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Castillo e Gruezo nos 23 do Equador

Sportinveste 03/06/2014 Fonte: Sportinveste Multimédia
Castillo e Gruezo nos 23 do Equador © Sportinveste Multimédia Castillo e Gruezo nos 23 do Equador

O destaque vai para a chamada de Edison Méndez que cumprirá a sua terceira fase final de um Campeonato do Mundo.

Os médios Segundo Castillo, que estava em dúvida devido a lesão, e Carlos Gruezo entraram esta terça-feira na lista dos 23 convocados do Equador para o Mundial'2014.

Segundo Castillo, do Al-Hilal, da Arábia Saudita, lesionou no recente particular com o México, mas está apto para jogar no Brasil, enquanto Carlos Gruezo surge na fase final depois de não ter participado na fase de qualificação.

Entre os 23 eleitos, destaque ainda para a presença de Edison Méndez, que cumprirá a sua terceira fase final, após as presenças na Coreia do Sul e Japão, em 2002, e na Alemanha, em 2006.

Jose Antonio Valência, jogador do Manchester United, e o ex-"leão" Felipe Caicedo, presentemente no Al-Jazira, de Abu Dhabi, são as "estrelas" dos equatorianos.

O Equador vai defrontar França, Suíça e Honduras no Grupo E da primeira fase do Mundial, que se disputa no Brasil entre 12 de junho e 13 de julho.

Lista dos 23 convocados:

Guarda-redes: Máximo Banguera (Barcelona), Alexander Domínguez (Liga de Quito) e Adrián Bone (El Nacional).

Defesas: Jorge Guagua (Emelec), Gabriel Achilier (Emelec), Óscar Bagüí (Emelec), Juan Carlos Paredes (Barcelona), Frickson Erazo (Flamengo/Bra) e Walter Ayoví (Pachuca/Mex).

Médios: Luis Fernando Saritama (Barcelona), Carlos Gruezo (Estugarda/Ale), José Antonio Valencia (Manchester United/Ing), Segundo Castillo (Al-Hilal/Ara), Cristhian Noboa (Dínamo Moscovo/Rus), Renato Ibarra (Vitesse/Hol), Edison Méndez (Independiente Santa Fe/Col) e Fidel Martínez (Tijuana/Mex).

Avançados: Jefferson Montero (Morelia/Mex), Michael Arroyo (Atlante/Mex), Enner Valencia (Pachuca/Mex), Jaime Ayoví (Tijuana/Mex), Joao Rojas (Cruz Azul/Mex) e Felipe Caicedo (Al-Jazira/EAU).

Fonte: OJOGO

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon