Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Cavani volta a pôr o dedo na ferida: "Neymar? Não precisamos de ser amigos"

Logótipo de O Jogo O Jogo 18/10/2017 Hugo M. Monteiro
© EPA/IAN LANGSDON

Avançado uruguaio acredita que o importante é ser profissional dentro das quatro linhas.

Edinson Cavani voltou a tocar na polémica com Neymar. Em entrevista ao canal Portail SFR, o avançado uruguaio acredita que não precisa de ser amigo do brasileiro, mas sim "profissional" dentro das quatro linhas.

"Não precisamos de ser todos amigos, como uma família. Só precisamos de ser profissionais em campo. Para isso, deves respeitar os teus colegas de equipa e dar sempre 100 por cento", referiu.

O tema dos penáltis também veio à baila, uma vez que foi o motivo do desentendimento entre os dois jogadores. Cavani continua a ter a responsabilidade de bater as grandes penalidades do Paris Saint-Germain, mas refere que a decisão cabe ao treinador. "Temos que aceitar o que ele decide", finalizou.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon