Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

CDU considera que escolha do Porto como candidata a sede da EMA "honra" a cidade

Logótipo de O Jogo O Jogo 13/07/2017 Administrator

A CDU considerou hoje que a escolha do Porto como candidata por Portugal a sede da Agência Europeia do Medicamento "honra" a cidade, mas que esta é a "primeira fase da história", faltando "agora falta saber o resultado final".

Em declarações à Lusa, a candidata à Câmara Municipal do Porto pela CDU, Ilda Figueiredo, salientou que a "questão central" é Portugal ser escolhido e que essa era a questão desde o início.

No final da reunião do Conselho de Ministros, realizada hoje, a ministra da Presidência, Maria Manuel Leitão Marques anunciou que o Governo decidiu candidatar a cidade do Porto para acolher a sede da Agência Europeia de Medicamento (EMA, na sigla em inglês), explicando que a cidade portuense "apresenta melhores condições para acolher a sede daquela instituição".

"Naturalmente que é uma escolha que honra o Porto. Mas esta é a primeira fase da história, mas agora falta saber o resultado final", disse.

Ilda Figueiredo explicou que "entre o Porto e Lisboa, poder-se-ia ter canalizado toda a atenção para a defesa de Portugal - e essa era a questão central - e depois ver qual a cidade com melhores condições. Acabou por se inverter essa questão".

No entanto, salientou, "convém registar a escolha do Porto, mas falta saber se Portugal consegue ser o escolhido".

A atual sede da Agência Europeia do Medicamento está situada em Londres, sendo que com a saída do Reino Unido da União Europeia aquela instituição tem que ser deslocada.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon