Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Cem dinossauros em instalação no Dino Parque que abre em 2018 na Lourinhã

Logótipo de O Jogo O Jogo 05/09/2017 Administrator

Uma centena de modelos de dinossauros em tamanho real estão a ser instalados num dos maiores parques temáticos de dinossauros da Europa, o Dino Parque da Lourinhã, que abre ao público no início de 2018. "Vamos concluir as obras até ao final deste ano e vamos abrir no início de 2018", afirmou à agência Lusa Franz-Josef Dickmann, CEO do Dino Parque International, grupo alemão responsável pelo investimento de 3,5 milhões de euros. O Dino Parque da ...

Uma centena de modelos de dinossauros em tamanho real estão a ser instalados num dos maiores parques temáticos de dinossauros da Europa, o Dino Parque da Lourinhã, que abre ao público no início de 2018.

"Vamos concluir as obras até ao final deste ano e vamos abrir no início de 2018", afirmou à agência Lusa Franz-Josef Dickmann, CEO do Dino Parque International, grupo alemão responsável pelo investimento de 3,5 milhões de euros.

O Dino Parque da Lourinhã vai ser o maior museu ao ar livre em Portugal e um dos maiores parques temáticos de dinossauros da Europa, que no primeiro ano deverá atrair pelo menos 200 mil visitantes, esperam os investidores.

"O projeto será um grande sucesso, porque a região espera por um Parque dos Dinossauros já há muito tempo. A Lourinhã é famosa por ser a 'Capital dos Dinossauros' e o Dino Parque vem complementar os achados encontrados", afirmou.

Desde segunda-feira que mais de uma centena de modelos de dinossauros estão a ser montados e instalados nos 10 hectares ao ar livre do futuro parque, uma zona de arvoredo onde o visitante poderá passear e partir à descoberta daqueles animais por entre as árvores.

"As pessoas andarão a passear por quatro percursos diferentes, correspondentes a diferentes períodos: Cretáceo, Jurássico, Triássico e Paleozóico", explicou o diretor de operações, Jorge Ferreira, à Lusa.

Entre os dinossauros, encontram-se o herbívoro 'diplodocus', com mais de 20 metros, o carnívoro bípede 'torvosaurus' (oito metros), do Jurássico Superior, há cerca de 150 milhões de anos, o carnívoro terópode 'neovenator' (seis metros) ou o herbívoro 'parasaurolophus' (oito metros), do Cretáceo, entre os 145 e os 66 milhões de anos.

Alguns dos 120 modelos são dinossauros cujos fósseis foram encontrados na Lourinhã e deram origem a novas espécies, como o carnívoro "torvossaurus tanneri", cujo crânio - uma maxila e vários dentes de 20 centímetros - foi em parte descoberto nas arribas do concelho.

Além dos modelos de dinossauros, o Dino Parque vai ter outras atrações. Jorge Ferreira adiantou que "os visitantes terão também a oportunidade de assistir à preparação de fósseis por paleontólogos no laboratório, visitar o museu [onde fósseis de dinossauros vão estar expostos] e um pavilhão com várias atividades para crianças", desde descobertas, pesquisas, escavações de fósseis ou pinturas de dinossauros.

O bilhete para adultos vai custar 12,5 euros, para crianças 9,5 euros e cinco euros para as escolas.

O Dino Parque vai ocupar, na primeira fase, dez dos 30 hectares do terreno onde funcionou a antiga lixeira municipal e vai criar 20 postos de trabalho.

O grupo alemão é detentor do Dino Parque de Münchenagen, na Alemanha.

Nas últimas décadas, os paleontólogos descobriram fósseis de dinossauros, pertencentes a várias espécies, e o maior ninho dos dinossauros com os mais antigos embriões até então encontrados, que colocam a Lourinhã na rota mundial da paleontologia.

O atual museu torna-se exíguo para expor todos os achados.

A Lourinhã recebeu 15 mil visitantes de 11 a 13 de agosto, no âmbito da iniciativa 'Dinossauros Saem à Rua', com 18 modelos de dinossauros em tamanho real espalhados pelas ruas da vila.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon