Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Central Miguel Vieira renovou com o Paços de Ferreira até 2019

Logótipo de O Jogo O Jogo 26/05/2017 Mónica Santos

Defesa estava em final de contrato. O plantel fica com cinco opções para o eixo da defesa, mas o mercado poderá interferir nesta conta: há clubes interessados em Marco Baixinho.

O Paços de Ferreira e Miguel Vieira, que estava em final de contrato, acertaram prolongar o vínculo do defesa central até 2019, informou esta sexta-feira, o clube, em comunicado .

"O FC Paços de Ferreira e o defesa central Miguel Vieira formalizaram o acordo que prolonga o vínculo do atleta até 30 de junho de 2019", pode ler-se no comunicado partilhado pelo Paços de Ferreira no respectivo site.

Na mesma nota, o Paços lembrou a chegada de Miguel Vieira ao clube, em 2014, tendo marcado presença neste período em 23 jogos da I Liga, 14 dos quais esta época, três na Taça da Liga e dois na Taça de Portugal.

O defesa, de 26 anos, contabiliza ainda um golo, anotado no decorrer da época que agora chegou ao fim, a 30 de setembro de 2016, na derrota por 2-1 em Tondela.

"Miguel Vieira mantém-se assim, juntamente com Ricardo, Gegé, Marco Baixinho e o reforço Dylan McGowan, como opção para o eixo da defensiva pacense", acrescenta o comunicado.

© Fornecido por O jogo

É provável que um destes cinco elementos possa deixar o clube durante o defeso.

Marco Baixinho, com mais de 2.000 minutos de utilização na I Liga (2.040), para um total de 23 presenças, e um golo no campeonato, é dos jogadores pacenses com mais mercado, com a vantagem de poder ser utilizado ainda no meio campo.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon