Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Chefe nuclear dos EUA assume que Coreia do Norte testou bomba H em 03 setembro

Logótipo de O Jogo O Jogo 15/09/2017 Administrator

O comandante das forças nucleares dos EUA afirmou na quinta-feira que assumia que o teste nuclear feito pela Coreia do Norte, em 03 de setembro, foi de uma bomba de hidrogénio, a designada Bomba H.

Esta afirmação sugere uma preocupação acrescida por parte dos EUA quanto a um novo nível do poder nuclear norte-coreano.

O comandante do Comando Estratégico, general da força Aérea John E. Hyten, disse a jornalistas que, apesar de não estar em posição de o confirmar, assumia, perante a dimensão da explosão subterrânea e de outros fatores, que se tratava de uma bomba de hidrogénio, o que está além das bombas atómicas que a Coreia do Norte tem testado.

Hyten não quis discutir a dimensão exata da explosão de 03 de setembro, mas o secretário da Defesa, Jim Mattis, disse na quarta-feira que era superior às 100 quilotoneladas, muito acima dos cinco anteriores ensaios nucleares da Coreia do Norte.

"Quando vejo uma coisa deste tamanho, eu, enquanto militar, assumo que é uma bomba de hidrogénio", afirmou Hyten. Enquanto chefe do Comando Estratégico, seria ele a liderar todos os elementos da força nuclear dos EUA num cenário de guerra nuclear.

"Tenho de" (assumir), acrescentou. "Eu tenho de fazer essa suposição. O que vi equivale a uma bomba de hidrogénio. Vi o acontecimento. Vi as indicações que resultaram desse acontecimento. Vi a dimensão. Vi os relatórios. Portanto, para mim, estou a pressupor que foi uma bomba de hidrogénio".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon