Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Coligação liderada por Arábia Saudita garante mantenção da intervenção no Iémen

Logótipo de O Jogo O Jogo 29/10/2017 Administrator

Os ministros dos Negócios Estrangeiros e os chefes das Forças Armadas dos países que integram a coligação liderada pela Arábia Saudita asseguraram hoje que vão continuar a intervenção no Iémen até o Governo retomar o controlo do território.

Os participantes na reunião em Riade garantiram que a intervenção vai continuar "até que o Governo legal imponha a sua autoridade em todo o território" do país e que vão "reforçar a integração e coordenação em termos políticos e militares".

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Arábia Saudita, Adel al Yubair, disse que "a coligação insiste cada vez mais em resgatar o Iémen e acabar com as fontes do terrorismo" na região do Médio Oriente.

O diplomata criticou o "tráfico de armas" do Irão aos rebeldes no Iémen e assegurou que Teerão "é o primeiro responsável pelo alimentar deste conflito neste país pobre, através do envio de armas".

A reunião em Riade contou com a presença do Presidente do Iémen, Abdo Rabu Mansur Hadi, e de representantes dos governos dos Emirados Árabes Unidos, Jordânia, Barein, Paquistão, Djibouti, Sudão, Senegal, Kuwait, Marrocos e Malásia.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon