Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Conselho de Disciplina arquiva participação do Benfica por Gauld e Geraldes

Logótipo de O Jogo O Jogo 27/06/2017 Rui Trombinhas
Ryan Gauld © Fornecido por O jogo Ryan Gauld

Benfica acusava os leões de terem posto um ponto final unilateral nos empréstimos de Ryan Gauld e André Geraldes ao V. Setúbal.

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) arquivou a participação do Benfica relativa à eventual cessação unilateral do empréstimo de André Geraldes e Ryan Gauld ao V. Setúbal, que regressaram a Alvalade após a derrota do Sporting frente aos sadinos.

Os dirigentes encarnados alegavam quebra do regulamento de competições por parte dos leões, que terão infringido, na perspetiva do Benfica, o ponto 5 do artigo 78.º, que define que "não são admissíveis cláusulas que prevejam a possibilidade de, por iniciativa unilateral do clube cedente, ser imposto ao clube cessionário o termo do contrato de cedência antes do prazo contratualmente fixado".

A decisão foi oficializada esta terça-feira, com o Conselho de Disciplina a alegar a "inexistência de indícios da prática de qualquer infração disciplinar".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon