Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Coreia do Norte: Governo diz que novas sanções são "cruéis, imorais e desumanas"

Logótipo de O Jogo O Jogo 18/09/2017 Administrator

As novas sanções impostas à Coreia do Norte são "cruéis, imorais e desumanas" e só vão servir para acelerar o seu programa nuclear, anunciou hoje o Ministério dos Negócios Estrangeiros norte-coreano, segundo um comunicado da agência oficial.

O novo pacote de sanções aprovado pelo Conselho de Segurança da ONU, a 11 de setembro, é considerado com um "ato de hostilidade para eliminar fisicamente as pessoas" da Coreia do Norte, denuncia o ministério, citado pela agência NKCA.

A oitava ronda de sanções, aprovada em 11 de setembro, visa punir Pyongyang por realizar um novo teste nuclear, com limitações sobre a importação de petróleo, além de limitar as exportações dos têxteis norte-coreanos.

"A multiplicação de iniciativas dos Estados Unidos e seus vassalos para impor sanções e fazer pressão sobre a República Popular Democrática da Coreia, só acelerará o nosso ritmo para a plena realização de nossa força nuclear", acrescenta o documento.

O Governo dos Estados Unidos anunciou que vai aproveitar a Assembleia-Geral das Nações Unidas em Nova Iorque para exigir a plena implementação de sanções internacionais contra a Coreia do Norte, ameaçando-a com a sua "destruição" se continuasse a provocar Washington e os seus aliados.

Os ministros dos Negócios Estrangeiros dos países-membros do Conselho de Segurança da ONU também devem reunir-se na quinta-feira para discutir a proliferação de armas de destruição em massa e a ameaça nuclear causada pela Coreia do Norte.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon