Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Corona quebrou um jejum e com mais pressa só Maniche

Logótipo de O Jogo O Jogo 28/08/2017 Hugo Monteiro
© Gonçalo Delgado/Global Imagens

Jesús Corona voltou a marcar pelo FC Porto e logo nos primeiros minutos, em Braga.

O golo de Corona entrou diretamente para o top dos tiros certeiros mais rápidos que o FC Porto apontou na casa do Braga. O mexicano teve pressa para resolver o encontro na Pedreira, tendo feito explodir a festa logo aos seis minutos, mas o tento do Tecatito é ultrapassado pelo de Maniche, em 2004/05, que marcou aos quatro minutos num encontro que Wender acabou por empatar na segunda parte.

Jesus Corona, refira-se ainda, estreou-se a marcar esta temporada e voltou a festejar um golo ao serviço do FC Porto dez jogos depois. O extremo não marcava desde o empate (1-1) com o V. Setúbal, a 19 de março, no Estádio do Dragão. No entanto, o internacional mexicano não voltou ao relvado para a segunda parte, tendo sido substituído por Otávio. Perto do intervalo, Corona viu-se forçado a pedir assistência médica.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon