Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Corona sublinha: "Não fui à Confederações devido a um problema familiar"

Logótipo de O Jogo O Jogo 12/07/2017 João Cardoso

© Fornecido por O jogo

Depois do selecionador do México ter revelado que foram "problemas familiares" que afastaram Corona da Taça das Confederações, agora foi o próprio jogador a confirmar a versão, pedindo respeito pela sua vida particular.

"Não fui à Confederações devido a um problema familiar. Não vou dizer mais do que isto. É meu, pessoal. Espero que respeitem isso", afirmou, em declarações ao programa "Jugando Claro".

"Peço desculpa aos meus colegas, ao selecionador, aos mexicanos, mas não estava com a cabeça bem. Teria sido um orgulho jogar a Confederações com o meu país. Não pude mesmo ir, de verdade. Se a minha família está bem e tranquila, eu estarei bem. Agora isso acontece e estou a desfrutar a pré-época com o FC Porto", rematou.

Por fim, Corona garantiu estar apto para regressar à seleção. "Estou pronto, totalmente. Se o selecionador Osório me chamar, estarei pronto. vou aguardar", concluiu.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon