Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

CORREÇÃO: Autárquicas: Cristas elege mobilidade e "agenda social" como prioridades do programa

Logótipo de O Jogo O Jogo 08/07/2017 Administrator

(Corrige ao longo do texto o nome do porta-voz da candidatura e vereador em Lisboa, João Gonçalves Pereira)

VERSÃO INTEGRAL CORRIGIDA:

A candidata do CDS-PP à Câmara de Lisboa Assunção Cristas apresenta na quinta-feira as "linhas de força da campanha" e "a arquitetura do programa eleitoral", que dá prioridade à mobilidade e a uma "agenda social".

"Serão dadas as linhas de força da campanha e a arquitetura do programa eleitoral no jantar de lançamento da candidatura, na quinta-feira. Nas prioridades, que resultam das queixas e soluções que os lisboetas exigem, destacam-se a mobilidade e as políticas sociais, uma agenda social", disse à Lusa o porta-voz da candidatura 'Pela Nossa Lisboa' (CDS-PP/MPT/PPM) e vereador em Lisboa, João Gonçalves Pereira.

Na prioridade dada à mobilidade, Assunção Cristas inclui a circulação automóvel, os transportes coletivos e o estacionamento, explicou o porta-voz.

Os centristas acusam o atual presidente de Câmara e recandidato, Fernando Medina (PS), de ter "começado pelo telhado" a intervenção na mobilidade da cidade, já que, consideram, "não há alternativas de transporte público" à circulação automóvel.

Na construção de uma "agenda social" para Lisboa, João Gonçalves Pereira destaca as políticas de habitação social e a atenção devida aos idosos, "que têm um peso muito significativo na cidade, dificilmente têm voz, estão frágeis e sós".

"Basta circular nos bairros sociais e falar com associações representativas de idosos para se perceber que há aqui uma falta de prioridade política de Medina", afirmou, reclamando uma "agenda centrada das pessoas e não só no betão".

No jantar de lançamento da candidatura, na quinta-feira, na Estufa Fria, serão ainda apresentados todos os candidatos da coligação CDS-PP/PPM/MPT às Juntas de Freguesia.

O programa eleitoral ainda não tem data prevista para ser divulgado, disse o porta-voz da candidatura.

Além de um postal dirigido pelo correio a todos os lisboetas, pedindo contributos, a candidatura realizou um ciclo de conferências, designado 'Ouvir Lisboa', que terminou na última terça-feira, para recolher contributos para o programa eleitoral.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon