Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Dérbi lisboeta sob o signo da pouca inspiração

Sportinveste 04/05/2014 Fonte: Sportinveste Multimédia
Dérbi lisboeta sob o signo da pouca inspiração © Sportinveste Multimédia Dérbi lisboeta sob o signo da pouca inspiração

As equipas B de Sporting e Benfica empataram (1-1) este domingo, em jogo da 41ª jornada da II Liga, marcado pela desinspiração de ambas.

O Sporting B marcou primeiro, aos 8 minutos, por Iúri Medeiros, mas o Benfica conseguiu chegar ao empate aos 25 minutos por Hélder Costa, numa partida mal jogada, em especial na segunda parte.

Numa tarde quente na Academia em Alcochete e com muito público nas bancadas, o Sporting B entrou melhor e inaugurou o marcador logo aos 08 minutos.

Rúben Pinto perdeu a bola a meio campo, Kikas serviu de imediato Iúri Medeiros e o médio entrou pela direita, puxou para o pé esquerdo e rematou em arco, para um golo de belo efeito.

Motivados com o golo, os "leões" estiveram perto de ampliar a vantagem três minutos depois, mas Bruno Varela defendeu com dificuldade o remate de Dramé.

Os "encarnados", que perderam Urreta por lesão muito cedo, tinham dificuldade em incomodar Mickael Meira, chamado a intervir pela primeira vez aos 20 minutos, opondo-se a um remate perigoso de Hélder Costa. Na resposta, o avançado Dramé, na sequência de um livre, enviou a bola à barra da baliza de Bruno Varela.

Depois do aviso, Hélder Costa acabou mesmo por fazer o empate aos 25 minutos. Bernardo Silva ganhou a bola na direita e isolou Hélder Costa, que surgiu do lado contrário frente a Mickael Meira, para rematar de pé esquerdo de forma certeira.

Após o golo, o Benfica B equilibrou o jogo e até ao intervalo não se registaram mais lances de perigo junto de ambas as balizas.

Na segunda parte, o primeiro lance de perigo foi para o Benfica B, aos 48 minutos. Hélder Costa ganhou na velocidade a Riquicho e surgiu na cara de Mickael Meira, mas o remate saiu ligeiramente ao lado.

O Sporting B respondeu à boa entrada do Benfica B e aos 53 minutos esteve perto do golo. Na sequência de um canto, Wallyson domina com o peito na área "encarnada" e remata de forma acrobática para uma grande defesa de Bruno Varela.

A equipa de Hélder Cristóvão sofreu nova contrariedade aos 67 minutos, quando Filip Markovic, que tinha entrado um minuto antes, saiu devido a uma lesão muscular, numa segunda parte muito mal jogada.

Aos 87 minutos o Benfica B teve uma dupla oportunidade para chegar ao golo. Na sequência de um canto, a bola sobra para Bernardo Silva que cabeceia, com um defesa contrário a cortar em cima da linha de golo, surgindo na recarga Rui Fonte a rematar para grande intervenção de Mickael Meira.

Jogo na Academia de Alcochete.
Ao intervalo: 1-1
Marcadores: 1-0, Iúri Medeiros (8 m); 1-1, Hélder Costa (25m)

Equipas:

SPORTING B: Mickael Meira, Riquicho (Luka, 57), Samba, Matias Perez, King, Kikas, Wallyson, Chaby (Enoh, 80), Ricardo Esgaio, Iúri Medeiros (Manafá, 87) e Dramé.
(Suplentes: Luís Ribeiro, Edelino Ié, Luka, Manafá, Yan Zihao, Bruno Wilson e Enoh).
Treinador: Abel Ferreira.

BENFICA B: Bruno Varela, João Cancelo, Lindelof, Gianni Rodriguez, Rúben Pinto, João Teixeira, João Amorim (Filip Markovic, 65, Lolo, 67), Bernardo Silva, Urreta (Rui Fonte, 18) e Hélder Costa.
(Suplentes: André Ferreira, Filip Markovic, Lolo, Rui Fonte, Rudinilson Silva, Nélson Semedo e Wei Huang).
Treinador: Hélder Cristóvão.

Árbitro: Nuno Almeida (Algarve).
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Rúben Pinto (37), Luka (70) e Rui Fonte (90+1).
Assistência: cerca de 1.000 espetadores.

Fonte: O Jogo

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon