Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Democratização nos restaurantes de Luanda com semana de preços mais acessíveis

Logótipo de O Jogo O Jogo 17/10/2017 Administrator

Mais de três dezenas de restaurantes de Luanda organizam no início de novembro uma campanha de "democratização" do acesso à alta restauração, com ementas de especialidades angolanas a preços fixos e mais acessíveis.

A quarta edição do Angola Restaurant Week foi apresentada hoje, em Luanda, e junta 35 restaurantes da capital angolana entre 30 de outubro e 05 de novembro, com ementas de preço fixo, em todos, de 5.000 kwanzas (25 euros) ao almoço e 7.000 kwanzas (35 euros) ao jantar.

Luanda é considerada uma das capitais mais caras do mundo e um jantar num restaurante da cidade pode facilmente custar mais de 10.000 kwanzas (50 euros), daí o objetivo dos promotores do evento de, durante uma semana, "promover a cultura e gastronomia angolana e a democratização do acesso à restauração de boa qualidade".

"Os números não mentem e a cada ano que passa há mais restaurantes a aderir e fazer um excelente trabalho", sublinhou Cláudio Silva, mentor do Angola Restaurant Week, uma iniciativa anualmente dinamizada pelo portal Luanda Nightlife.

Na edição de 2016, os 29 restaurantes aderentes venderam 8.521 refeições no âmbito do evento, que por sua vez geraram mais de 4,2 milhões de kwanzas (21.800 euros) de donativo para o Centro Social Santa Bárbara.

O Angola Restaurant Week mantém em 2017 a componente solidária, com o valor de 500 kwanzas (2,50 euros) de cada menu vendido neste período a será doado a instituições de solidariedade. São os casos do Orfanato Pequena Semente, que abriga em Cacuaco 103 crianças a partir dos quatro anos, e o Centro Dom Bosco, no Sambizanga, que recolhe e apoia meninos de rua.

"Tem havido um grande esforço da parte da organização para evoluirmos cada vez mais, até devido à crescente exigência dos participantes. Contudo temos conseguido superar as dificuldades e a prova disso foi o valor angariado o ano passado para a instituição que apoiámos", enfatizou Cláudio Silva.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon