Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Deputados indianos votam para eleger um "intocável" para a sua presidência

Logótipo de O Jogo O Jogo 17/07/2017 Administrator

Os deputados indianos votam hoje para eleger o próximo presidente do país, uma vitória política anunciada para o primeiro-ministro Narendra Modi, cujo candidato por si apoiado, proveniente da comunidade desfavorecida dos dalits, estará prestes a confirmar.

Cerca de 4.900 eleitos para as assembleias parlamentares nacionais e regionais deverão decidir o nome do próximo chefe de Estado, um cargo quase honorífico, que sucederá a Pranab Mukherjee.

Ram Nath Kovind, um antigo advogado com 71 anos, proveniente da comunidade historicamente marginalizada dos dalits (antes denominados "intocáveis") é visto como o vencedor antecipado, em razão do peso político do partido que o apoia, o Bharatiya Janata Party (BJP, no poder em Nova Deli) e dos seus aliados no colégio eleitoral.

A eleição desta personalidade, próxima do movimento nacionalista hindu, não apenas reforçará a margem de manobra política do atual chefe do Governo, como permitir-lhe-á marcar pontos entre os 200 milhões de dalits, com vista às eleições de 2019, em que Narendra Modi deverá concorrer a um segundo mandato.

O Partido do Congresso, principal opositor do BJP, também escolheu uma dalit como candidata a estas eleições, a antiga diplomata Meira Kumar, numa estratégia de não desbaratar votos potenciais nas próximas legislativas.

As castas altas constituem a base eleitoral tradicional do BJP, mas os nacionalistas hindus dependem crucialmente das boas graças da comunidade dalit, uma vez que não contam com os votos dos muçulmanos, que constituem cerca de 14% da população indiana, em razão da forte crispação identitária no país que tem marcado o seu mandato.

A eleição de Kovind ou Kumar trará à Presidência indiana o segundo membro da comunidade dalit, depois de K. R. Narayanan (1997-2002). O resultado da eleição presidencial será anunciado esta quinta-feira.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon