Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Dias do Desassossego regressam a Lisboa de 16 a 30 de novembro

Logótipo de O Jogo O Jogo 24/10/2017 Administrator

Música, teatro, passeios literários e Arte Urbana fazem parte da programação da iniciativa Dias do Desassossego, que decorre em novembro, em Lisboa, entre o dia de nascimento de José Saramago e o dia da morte de Fernando Pessoa.

"Duas datas, duas casas, dois escritores: entre 16 e 30 de novembro, a Casa Fernando Pessoa e a Fundação José Saramago programam em conjunto os Dias do Desassossego'17 com música, poesia, prosa, passeios literários e arte urbana", lê-se numa mensagem hoje publicada no 'site' oficial da iniciativa.

As várias atividades realizam-se "entre o dia de nascimento de José Saramago e o dia da morte de Fernando Pessoa" na Casa Fernando Pessoa e na Fundação José Saramago, "mas também noutros locais da cidade: no Teatro São Carlos, no Teatro São Luiz, no B.Leza e na rua".

"Uma máquina voadora movida por vontades", "performance comemorativa dos 35 anos da obra 'Memorial do Convento', de José Saramago", marca o arranque dos Dias do Desassossego a 16 de novembro, data em que o Nobel da Literatura faria 95 anos.

Esta performance, com André e.Teodósio/Teatro Praga, Rafael Esteves Martins e Ana Ribeiro, é um projeto de Anabela Mota Ribeiro, que foi apresentado pela primeira vez na Feira do Livro do Porto. A Fundação José Saramago acolhe este momento, de entrada livre.

A edição deste ano de Dias do Desassossego encerra, a 30 de novembro, com "um espetáculo inédito, especialmente criado por Ana Deus e Lucas Argel para esta ocasião". No espetáculo, os dois músicos "juntam as várias vozes do poeta às suas, num mesmo coro".

O espetáculo, cuja entrada é paga, decorre no dia em que o poeta morreu, em 1935, e em que a casa onde viveu os últimos 15 anos de vida abriu as portas ao público, em 1993. Nesse dia, "a entrada na Casa Fernando Pessoa é livre e é a gratuita a visita guiada, às 15:00".

A programação de Dias do Desassossego inclui, entre outras iniciativas, passeios literários - "Lisboa de Fernando Pessoa", marcado para 18 de novembro, "José Saramago e o 'Memorial do Convento'", no dia 19, e "Não sei o que o amanhã trará: um passeio sonoro na Lisboa de Fernando Pessoa", no dia 25 --, um concerto dos pianistas Filipe Raposo e Filipe Melo, no dia 22 no Teatro São Luiz, uma aula com António Mega Ferreira, no dia 23 na Casa Fernando Pessoa, e oficinas para crianças, no dia 18 na Fundação José Saramago e no dia 25 na Casa Fernando Pessoa.

Ao longo dos Dias do Desassossego haverá também mesas-redondas e sessões de leitura, como a de 24 de novembro, no B.Leza, em parceria com a Afrolis, associação para a liberdade de expressão de afrodescendentes.

A Arte Urbana estará representada na iniciativa com o trabalho de Tamara Alves que, a partir de 16 de novembro, irá pintar, numa parede na zona do Cais do Sodré, uma obra inspirada por palavras de Saramago.

A programação completa de Dias do Desassossego'17 está disponível em www.diasdodesassosego.org.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon