Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Dirigentes de clubes voltam a poder ser comentadores de programas televisivos

Logótipo de O Jogo O Jogo 13/06/2017 Alcides Freire
© Fornecido por O jogo

A Assembleia Geral (AG) da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) aprovou esta segunda-feira a possibilidade de dirigente ou funcionários de clubes poderem fazer comentários em programas televisivos.

A reunião magna hoje concluída determinou a revocação do artigo 140.º-A do Regulamento Disciplinar do organismo, que previa a suspensão e condenação a pagamento de uma multa aos representantes de clubes, "na qualidade de intervenientes regulares, em programas televisivos que se dediquem exclusiva ou principalmente à análise e comentário do futebol profissional".

Nesse mesmo regulamento ficou ainda estipulado que, a partir da temporada 2018/19, todos os estádios da I Liga serão obrigados a ter uma caixa de segurança para os adeptos visitantes.

"Os clubes da I Liga que não implementem medidas que garantam a separação física do terreno de jogo das áreas específicas designadas nos seus estádios para os adeptos das equipas visitantes, designadamente por via de instalação de rede de segurança, serão punidos com a sanção de multa", pode ler-se no referido artigo.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon