Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Djokovic eliminado em Monte Carlo deixa Nadal com via aberta

Logótipo de O Jogo O Jogo 21/04/2017 Hugo M. Monteiro
© REUTER/Eric Gaillard

Tenista sérvio não passa dos quartos de final de um torneio desde a vitória no Catar, no início do ano.

O tenista sérvio Novak Djokovic, número dois mundial, foi eliminado esta sexta-feira nos quartos de final do Masters 1000 de Monte Carlo, ao perder com o belga David Goffin (13º), por 6-2, 3-6 e 7-5.

Vencedor em 2013 e 2015, Djokovic junta-se ao britânico Andy Murray, primeiro do ranking mundial, e ao suíço Stan Wawrinka, terceiro, ambos eliminados na quinta-feira, nos oitavos de final. O sérvio não passa dos quartos de final de um torneio desde a sua vitória em Doha, no início do ano.

O afastamento de Djokovic abre caminho à décima vitória de Rafael Nadal no principado. O espanhol, sétimo jogador mundial, bateu o argentino Diego Schwartzman, por 6-4 e 6-4, e vai enfrentar Goffin nas meias-finais.

A outra meia-final opõe outro espanhol, Albert Ramos, carrasco do croata Marin Cilic, ao francês Lucas Pouille, que eliminou o uruguaio Pablo Cuevas.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon